Implantar o CA Service Catalog em um servidor web personalizado

Implantar o CA Service Catalog em um servidor web personalizado permite que você use o CA Service Catalog com outro servidor web suportado em vez do servidor web Tomcat padrão. Essa implantação também permite usar a mesma instância do servidor web para vários aplicativos. Por exemplo, o CA Service Catalog e CA RCM são instalados no mesmo computador. Você pode usar a mesma instância do servidor web JBoss para o CA Service Catalog e o CA RCM. Esse compartilhamento ajuda seu ambiente a ser executado com mais eficiência.
casm173
Implantar o CA Service Catalog em um servidor web personalizado permite que você use o CA Service Catalog com outro servidor web suportado em vez do servidor web Tomcat padrão. Essa implantação também permite usar a mesma instância do servidor web para vários aplicativos. Por exemplo, o CA Service Catalog e CA RCM são instalados no mesmo computador. Você pode usar a mesma instância do servidor web JBoss para o CA Service Catalog e o CA RCM. Esse compartilhamento ajuda seu ambiente a ser executado com mais eficiência.
Para implantar o CA Service Catalog no servidor web personalizado, siga este processo:
Etapa 1 - Verificar os pré-requisitos
Verifique se você cumpriu os seguintes pré-requisitos, para que você possa implantar o arquivo WAR com êxito:
  • Instale ou atualize os seguintes aplicativos no mesmo computador:
    • CA Service Catalog
      Os aplicativos com os quais você deseja compartilhar a instância do servidor web personalizado como o CA Service Catalog, por exemplo, o CA RCM
    • O servidor web personalizado
      Você pode usar uma das seguintes opções como seu servidor web personalizado:
      • Tomcat 6 ou 7
      • JBoss 5.1
      Você pode utilizar tanto uma instalação nova ou existente de um servidor web suportado, uma das seguintes opções:
      • Uma versão fornecida através da instalação de outro aplicativo. Por exemplo, o CA RCM instala o JBoss 5.1.
        Nesse caso, todo esse cenário se aplica, incluindo o procedimento para implantar o arquivo WAR.
      • Uma versão autônoma instalada manualmente. Por exemplo, você pode baixar um servidor web com suporte do site da Apache ou do site do JBoss.
        Nesse caso, todo esse cenário se aplica,
        exceto
        o procedimento para implantar o arquivo WAR. Em vez disso, consulte a documentação do servidor web para obter instruções sobre como implantar o arquivo WAR.
  • Seja um administrador experiente para o servidor web e o banco de dados que você está usando com o CA Service Catalog.
Etapa 2 - Verificar as limitações
Compreenda as seguintes limitações:
  • Não é possível
    usar o mesmo servidor web personalizado para o CA Service Catalog e o CA Process Automation.
  • Interromper, iniciar ou reiniciar o servidor web, para interromper, iniciar ou reiniciar o CA Service Catalog. Você não pode interromper, iniciar ou reiniciar o CA Service Catalog por conta própria. No entanto, é possível individualmente reiniciar outros produtos que usam o servidor web.
    Por exemplo, o CA Service Catalog e o CA RCM usam o mesmo servidor web. Você pode reiniciar o CA RCM sozinho, mas não é possível reiniciar o CA Service Catalog sozinho. Para reiniciar o CA Service Catalog, reinicie o servidor web, que reinicia
    os dois
    produtos.
  • Diagnóstico JMX não está disponível para a implantação de war.
Etapa 3 - Criar o arquivo WAR
Crie o arquivo war do CA Service Catalog.
O arquivo war gerado a partir de um computador deve ser implantado no mesmo computador. Por exemplo, em uma configuração agrupada, gere arquivo war em cada nó. Agora, implante o arquivo war nos nós.
Siga estas etapas:
  1. Clique em Iniciar, Programas, CA, Prompt de comando do CA Service Catalog.
  2. (Opcional) Execute o comando a seguir se o servidor web personalizado estiver sendo executado em uma porta diferente da porta usada para instalação do CA Service Catalog (normalmente 8080).
    ant update-usm-host
    Você é solicitado a inserir o novo número de porta. Digite o número da porta do servidor web personalizado.
  3. Execute o comando a seguir no prompt de comando:
    ant create-war
  4. Selecione uma das seguintes opções na lista:
    • Tomcat
      Cria o arquivo war para o Tomcat 6 ou 7.
    • JBoss
      Cria o arquivo war para JBoss 5.1
    • Outros
      Não use esta opção, pois ela está reservada para uso futuro.
      Para o Tomcat, o arquivo usm.war é gerado na pasta USM_HOME\war.
      Para JBoss, a pasta usm.war é criada.
  5. (Opcional) Altere o nome do arquivo war para refletir o nome do catálogo, unidade de negócios (inquilinos) ou outra entidade significativa:
    1. No Windows, renomeie manualmente o arquivo usm.war, por exemplo, para catálogo.war ou BU-Finanças.war.
    2. Atualize o nome do arquivo no arquivo de propriedades do utilitário de sincronização: especifique o nome do novo
      sem a extensão .war
      no parâmetro EIAMUser.Context
      =nomedoarquivo
      no arquivo syncuputil.properties. Esse arquivo reside na pasta USM_HOME.
    3. Por exemplo, se o novo nome de arquivo for BU-Finanças.war, a entrada atualizada é EIAMUser.Context=FinanceBU.
    4. Atualizar o nome do arquivo nas definições de configuração de administração na interface de usuário: Efetue logon no CA Service Catalog como um administrador do Service Delivery (por exemplo, spadmin). Em seguida, selecione Administração, Configuração, Informações do servidor, Caminho de contexto e especifique o novo nome de arquivo.
      O arquivo war é criado e fica disponível para a implantação.
  6. Se você migrar ou atualizar o CA Service Catalog, siga estas etapas:
    1. Aplique o patch no CA Service Catalog instalado antes de gerar o arquivo war.
    2. Implante o arquivo WAR no mesmo servidor web.
Etapa 4 - Implantar o arquivo WAR
Implante o arquivo war para que você possa usar o servidor web personalizado para o CA Service Catalog com outros aplicativos. Usar o mesmo servidor web para CA Service Catalog e outros aplicativos ajuda o sistema a ser executado de maneira mais eficiente. Este procedimento usa o CA RCM para fins de ilustração. Siga este procedimento como um modelo de implantação de seu arquivo WAR com outros aplicativos.
Siga estas etapas:
  1. Copie a pasta usm.war para a pasta
    RCM_HOME
    \Server\eurekify-jboss\server\eurekify\deploy.
    RCM_HOME
    é a pasta de instalação do CA RCM, o padrão é C:\Arquivos de programas\CA\RCM.
  2. Edite o arquivo
    RCM_HOME
    \Server\eurekify-jboss\bin\run.bat, da seguinte maneira:
    1. Localize a instrução
      set PATH=
      .
    2. No final dessa instrução, adicione o nome do caminho do cliente do banco de dados, por exemplo:
      • O nome do caminho padrão do SQL 2008 R2 é C:\Arquivos de programa\Microsoft SQL Server\100\Tools\Binn.
      • O nome do caminho padrão para o Oracle 11g é C:\aplicativo\Administrador\produto\11.2.0\dbhome_1\BIN.
Solução de problemas
Depois que você implantar o arquivo war com o CA RCM e não conseguir iniciá-lo, você vê a seguinte mensagem de erro:
Provider org.apache.xalan.xsltc.trax.TransformerFactoryImpl not found" in eurekify.log"
Os arquivos de log residem nesta pasta: C:\Arquivos de programa\CA\RCM\Server\eurekify-jboss\server\eurekify\log\eurekify.log.
Se você não conseguir iniciar o CA RCM, siga estas etapas:
  1. Se os arquivos xalan-x.x.x.jar e serilizer.jar existirem na pasta a seguir, exclua-os.
    RCM_HOME\Server\eurekify-jboss\server\eurekify\deploy\eurekify.war\WEB-INF\lib
  2. Copie os arquivos xalan-2.7.0.jar e serilizer.jar na seguinte pasta:
    RCM_HOME\Server\eurekify-jboss\server\eurekify\deploy\usm.war\WEB-INF\lib
    para a seguinte pasta:
    RCM_HOME\Server\eurekify-jboss\server\eurekify\deploy\eurekify.war\WEB-INF\lib
  3. Reinicie o servidor do JBoss.
Etapa 5 - Desativar a instância padrão do Tomcat
Depois de implantar o arquivo war no servidor web personalizado, interrompa o serviço do Windows do CA Service Catalog. Interromper o serviço do CA Service Catalog desativa a instância do Tomcat padrão. Opcionalmente, você pode desativar o serviço para que ele não inicie automaticamente.
O serviço do CA Service Accounting não requer modificações.
Etapa 6 - Verificar a implantação
Depois de implantar o servidor web personalizado, é possível verificar se a implantação foi bem-sucedida.
Siga estas etapas:
  1. Acesse o seguinte URL de catálogo: http://
    computer_name:port/context
    • Nome do computador
      Define o nome do computador em que o CA Service Catalog está instalado.
    • Porta
      Define o número da porta em que o servidor web está configurado para executar.
    • usuário
      Define o nome do arquivo war criado durante a implantação. O padrão é usm.war.
    • Se você renomeou o arquivo war, use o novo nome aqui.
  2. Verifique se você pode acessar o CA Service Catalog, por exemplo, ao criar, enviar e agir em solicitações.
    Você verificou a implantação.