Criar uma política de serviços web SOAP

Para minimizar o fluxo de tickets de serviços web e para manter a estabilidade do servidor, os serviços web SOAP do CA SDM usam um Controle de acesso e um Sistema de gerenciamento da CA. Trata de atividades de serviço excessivas iniciadas por aplicativos confiáveis do usuário e que podem resultar de erros ou exceções de programação. Esse sistema também funciona como uma barreira para controlar o acesso de invasores mal-intencionados aos serviços web do SOAP do CA SDM.
casm173
HID_Create_a_SOAP_Web_Services_Policy
Para minimizar o fluxo de tickets de serviços web e para manter a estabilidade do servidor, os serviços web SOAP do CA SDM usam um Controle de acesso e um Sistema de gerenciamento. Trata de atividades de serviço excessivas iniciadas por aplicativos confiáveis do usuário e que podem resultar de erros ou exceções de programação. Esse sistema também funciona como uma barreira para controlar o acesso de invasores mal-intencionados aos serviços web do SOAP do CA SDM.
O CA SDM fornece uma política de acesso padrão com um código PADRÃO. A política de acesso padrão não contém restrições ao acesso e aplica-se somente a sessões autenticadas por meio do nome de usuário e senha.
Você pode criar novas políticas de serviços web SOAP para controlar o acesso de aplicativos de serviços web SOAP.
Se a multilocação estiver instalada, selecione o inquilino apropriado na lista suspensa. A opção Público (compartilhado) cria o objeto para todos os inquilinos.
Siga estas etapas
  1. Selecione Política de serviços web SOAP, Políticas SOAP na guia Administração.
  2. Clique em Criar.
  3. Preencha os campos conforme apropriado.
  4. Selecione a guia Controle de acesso para definir o número de operações permitidas por hora a cada categoria de serviços web.
  5. Digite um número no campo de contador de operação para representar o número de operações permitidas por hora.
    O valor padrão -1 em qualquer contador de operação indica que nenhuma restrição se aplica à operação correspondente. Um valor 0 (zero) indica que a operação correspondente não é permitida.
  6. Selecione a guia Tipos de erro para ver os tipos de erro em vigor para a política de serviços web.
  7. Para adicionar um tipo de erro, clique em Adicionar tipo de erro.
  8. Clique em Salvar.
    A definição de política é salva e a página Detalhes da Política de serviços web SOAP aparece.
Campos da Política de serviços web SOAP
Os seguintes campos exigem explicação:
  • Código
    Especifica o código exclusivo que identifica a política de acesso para o sistema. Esse campo é obrigatório.
  • Contato do proxy
    Especifica o contato a ser usado para todas as operações de serviço web e segurança. Você pode inserir o nome do contato diretamente no campo ou clicar no ícone de pesquisa para selecionar o nome do contato.
  • Padrão
    Indica que esta é a política padrão. Apenas uma política padrão ativa é permitida. Se você selecionar esta opção ao criar uma nova política de acesso, a configuração padrão da política padrão atual será removida.
  • Possui chave
    Indica se uma chave pública foi associada a essa política. Esse campo é atualizado quando uma chave pública é associada a uma política por meio do utilitário pdm_pki e não pode ser alterado.
  • Permitir representação
    Permite ao detentor da política chamar o método de serviços web impersonate() e criar uma sessão de serviços web. A autenticação de acesso adicional não é realizada ao se criar a nova sessão. No entanto, esse método poderá ser chamado com êxito apenas quando o nível_de concessão do tipo de acesso do novo usuário for mas baixo ou equivalente ao nível_de acesso do tipo de acesso do usuário proxy.
Se multilocação estiver instalada, a página de lista exibirá configurações de dados públicos e de inquilino no filtro de pesquisa. Dados públicos podem ser Excluídos ou Incluídos com dados de inquilino; Pesquisa apenas objetos públicos exclusivamente. Nas páginas de detalhes, selecione o inquilino apropriado na lista. Se você selecionar <vazio>, o objeto ficará público.