Carregamento de banco de dados

Este artigo contém o seguinte tópico:
casm173
Este artigo contém o seguinte tópico:
O utilitário de carregamento de banco de dados, pdm_userload, adiciona, atualiza e exclui registros do banco de dados do CA SDM. Crie um arquivo de entrada ASCII formatado para o utilitário pdm_userload e selecione as tabelas a serem carregadas e os campos opcionais a serem adicionados.
O utilitário pdm_userload acessa o banco de dados do CA SDM e não interage diretamente com os processos do software aplicativo. Os itens de inventário adicionados ao banco de dados com pdm_userload não atualizam as listas auxiliares/de seleção até que o aplicativo tenha sido interrompido e reiniciado.
Embora o utilitário pdm_userload possa ser executado com o aplicativo ativo, o desempenho do sistema é reduzido. Para obter melhores resultados, certifique-se de que o servidor de segundo plano esteja em execução, mas que nenhum usuário esteja usando a interface de cliente antes de executar o pdm_userload.
Para adicionar registros com campos de referência cruzados, use o utilitário pdm_deref pdm_deref--Cancelar referência dos dados ASCII.
pdm_userload--Adicionar, atualizar e excluir registros do banco de dados
O utilitário pdm_userload atualiza um banco de dados do CA SDM usando um arquivo de entrada especificado.
Você sempre deve fazer backup do banco de dados antes de executar um pdm_userload.
Sempre que você carregar tickets (como ocorrências ou solicitações), seu número de ticket deve incluir um prefixo ou sufixo exclusivo em sua sequência. O CA SDM vê este número como uma sequência de caracteres, não como um número sequencial, e assim não pode garantir que atribuirá um número exclusivo aos tickets carregados. Contanto que você atribua um prefixo ou sufixo exclusivo usando awk ou outro processador de texto, poderá carregar tickets sem que o CA SDM grave sobre os números atribuídos anteriormente.
Sintaxe
Esse comando apresenta o seguinte formato:
pdm_userload [-a] [-c] [-h] [-r] [-v] [-u] [-m] - f filename
Formato de arquivo de entrada
As entradas de arquivo de entrada seguem este formato:
TABLE table_name fieldname1fieldname2 . . . . fieldnameN { "value11", "value12", . . . "value1N" } { "value21", "value22", . . . "value2N" } . . . { "valueN1", "valueN2", . . . "valueNN" }
nome_da_tabela
é o nome da tabela a ser carregada, conforme listado no arquivo de esquema do banco de dados do CA SDM, localizado em $NX_ROOT/site/schema.sch (UNIX) ou
diretório de instalação
\site\schema.sch (Windows), onde $NX_ROOT ou
diretório de instalação
é o diretório onde você instalou o CA SDM.
-f filename
Especifica um arquivo ASCII de entrada.
Uma
Atualiza todos os registros existentes, independentemente de mais de um registro existente corresponder a um único registro de entrada. Sem essa opção, os registros de entrada que correspondem a mais de um registro existente são rejeitados.
Use essa opção com cuidado.
-c
Compara o arquivo de entrada com o banco de dados e informa as atualizações que devem ser feitas, mas não faz as atualizações.
-r
Remove registros de banco de dados que correspondam a registros de entrada. A opção -a pode ser usada com a opção -r.
Faça uma cópia de backup do banco de dados antes de executar pdm_userload com essa opção. Registros antigos do banco de dados são removidos, é necessário restaurar o banco de dados do CA SDM com esta cópia de backup se desejar recuperar quaisquer registros excluídos.
-v
Especifica modo verboso.
-u
Atualiza registros existentes, mas não insere novos registros no banco de dados.
-m
Atualização em massa Especifique quando estiver usando pdm_userload para adicionar ou excluir um grande número de registros. Essa opção suprime todas as notificações do cliente de atualizações e envia uma mensagem de atualização de cache para uma tabela quando pdm_userload termina o processamento da tabela.
-x
Usa formatos de entrada numérica sensíveis ao local.
-t
Especifica o nome ou UUID do inquilino para associar todos os dados carregados com o inquilino especificado. Esse argumento é válido apenas quando a multilocação está instalada.
O Pdm_userload oferece suporte a novos argumentos na instrução TABLE, "Truncate" e "NoNewID". Esses argumentos são especificados em uma opção facultativa entre parênteses após o nome da tabela. Por exemplo:
TABLE Call_Req (TRUNCATE, NONEWID)
  • Truncate
    Faz com que o pdm_userload emita um comando TRUNCATE específico do banco de dados para a tabela antes de carregar quaisquer dados. Além disso, ele força a lógica do pdm_userload a usar apenas a lógica de inserção independente dos argumentos da linha de comando, uma vez que todos os registros são novos.
  • NoNewID
    Faz com que o pdm_userload use o valor da id de seu arquivo de controle de entrada para as novas linhas na tabela, em vez de gerar uma nova ID para os dados inseridos.
Restrições
Você pode executar o pdm_userload enquanto o CA SDM estiver ativo, mas o desempenho pode se tornar muito lento. É melhor executar opdm_userload quando ninguém estiver usando o CA SDM.