Criar planos financeiros detalhados

ccppmop1592
Planejamento financeiro detalhado permite a estimativa de verba de investimentos com planos de custo. É possível obter aprovação para as verbas usando planos de orçamento. Como parte do processo de aprovação, é possível associar seus planos de custo aos planos de benefícios para estimar os benefícios dos investimentos.
2
Pré-requisitos para a criação de planos financeiros detalhados
Antes de criar planos financeiros detalhados, verifique se existem os seguintes itens:
  • Configure uma entidade financeira e defina períodos fiscais para a entidade.
  • Defina um investimento ativado financeiramente.
  • Consulte a
    Referência aos Direitos de Acesso
    e verifique se cada usuário tem direitos de acesso apropriados para trabalhar com planejamento financeiro.
Selecione a visualização Plano financeiro
As seguintes visualizações fornecem detalhes do plano de custo ou do plano de orçamento:
  • Visualização da moeda de investimento: esta visualização padrão mostra somente os dados do plano de custo ou do orçamento selecionado. Nenhum dado filho é exibido. A visualização mostra detalhes de custo e receita na moeda local do investimento, com atributos de agrupamento apresentados em colunas separadas. Se você tiver os direitos de acesso apropriados, poderá editar a visualização.
  • Exibição da moeda de faturamento: esta exibição é igual à Visualização da moeda de investimento, com a exceção de que mostra detalhes do custo e da receita na moeda de faturamento com base em uma taxa de câmbio predefinida. A Exibição da moeda de faturamento se aplica a um sistema de várias moedas no qual a moeda de faturamento é diferente da moeda local de investimento.
    A taxa de câmbio usada nos cálculos de faturamento depende dos seguintes fatores:
    • A moeda de investimento ou a moeda original da entidade e a moeda de faturamento definidas nas propriedades financeiras do investimento.
    • O tipo de taxa de câmbio é orientado pelo tipo de transação (por exemplo, transação de mão-de-obra, transação de material, e assim por diante) definido nas propriedades financeiras de investimento. Usa-se sempre a taxa de câmbio média.
      Os seguintes cálculos de faturamento são acionados quando o custo ou a receita muda no plano financeiro de uma determinada linha:
      • Custo de faturamento calculado como Custo * Taxa de câmbio
      • Receita para faturamento calculada como Receita * Taxa de câmbio
      • Custo total é a soma do Custo de faturamento
      • Receita total é a soma de Receita para faturamento
      Uma alteração nas taxas de câmbio ou na moeda de faturamento não aciona o recálculo de valores de faturamento.
Siga estas etapas:
  1. Abra um investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo, Planos de benefícios ou Planos de orçamento.
    A página de lista de planos é exibida.
  3. Clique no nome do plano para abrir os detalhes.
  4. Selecione a visualização desejada na lista suspensa Mostrar.
Criar planos de custo
Planos de custo são uma alternativa para resumos financeiros se deseja criar um plano detalhado que se estende por mais de um período fiscal. É possível rastrear os custos planejados, os custos reais e as variações por meio do tempo de vida de um investimento. Também é possível subdividir os dados em atributos ou critérios de agrupamento diferentes É possível definir um plano de custo manualmente ou preenchê-lo de forma automática e enviá-lo como um orçamento do investimento para aprovação.
Use o planejamento de custo para facilitar o processo de planejamento financeiro organizacional e impor padrões. Um plano de custo consiste nos seguintes itens:
  • Atributos de agrupamento
  • Detalhes de item de linha
Se você excluir todos os planos de custo, incluindo o plano de registro, poderá usar a página Resumo financeiro para definir dados de planejamento de custo para seu investimento. Se houver algum plano de orçamento associado, ele não será excluído, pois você pode querer usá-los para referência no futuro. Consulte
Criar resumos financeiros
para obter mais informações.
Você pode configurar um plano de custo para exibir os campos de receita a seguir. Esses campos não estão disponíveis por padrão. Transações registradas devem existir para esses campos para que sejam exibidos valores.
  • Unidade real
    Exibe a unidade real agregada de um determinado período fiscal.
  • Custo real
    Exibe o custo real agregado de um determinado período fiscal calculado como Unidades reais * Custo.
  • Receita real
    Exibe a taxa de faturamento real de um determinado período fiscal calculada como Unidades reais * Taxa.
  • Variação de custo
    Exibe o delta entre Custo e Custo real.
  • Variação da receita
    Exibe o delta entre Receita e Receita real.
  • Variação de unidades
    Exibe o delta entre Unidades e Unidades reais.
Exemplo: gerenciar um plano de custo
Planejamento de custo se inicia no nível de investimento e passa por várias iterações de projeções e revisões de custo para produzir o orçamento final aprovado. Orçamentos de investimento são promovidos para o nível de departamento e então para níveis mais altos como desejado. Para simplificar o processo de planejamento,os controladores financeiro podem padronizar as formas de capturar e subdividir os custos para toda a organização. Esses padrões garantem que todos os custos sejam facilmente reconhecidos e promovidos até os níveis desejados. Os controladores financeiros podem implementar os processos de aprovação de orçamento padrão para revisar e aprovar orçamentos individuais e de departamento.
A seguir, é apresentado um exemplo de como gerenciar planos de custo com base em padrões definidos pelo controlador financeiro. Quando um gerente financeiro aprova um plano de custo, este se torna o plano de orçamento de um investimento.
  1. O controlador financeiro configura as padronizações globais padrão no nível da entidade para sugerir a estrutura recomendada do plano de custo.
  2. O gerente de projeto:
    • Cria planos de custo de um investimento como estimativas para um orçamento.
    • Designa um plano de custo específico como o POR.
    • Como alternativa, associe o POR a um plano de benefícios.
    • Envia o POR para aprovação de orçamento.
    • Outra opção é associar um plano de benefícios ao orçamento enviado.
  3. O gerente financeiro ou outra autoridade designada aprova ou rejeita o plano de custo enviado como o plano de orçamento.
Plano de registro
O POR (Plan of record - Plano de registro) é o plano de custo que você pretende usar como o plano de orçamento de um investimento. Se houver um plano de orçamento aprovado, você poderá usar o POR para criar um novo plano de orçamento. O primeiro plano de custo criado para um investimento se torna o POR por padrão. É possível reatribuir o POR a qualquer plano e enviá-lo para aprovação de orçamento. Pode-se manter os planos de custo restantes para uso futuro ou referência.
Se você excluir todos os planos de custo, incluindo o plano de registro, poderá usar a página Resumo financeiro para definir dados de planejamento de custo para seu investimento. Excluir O POR ou outros planos de custo não exclui os planos de orçamento associados.
Quando você adiciona um investimento a um portfólio, o POR do plano de custo é automaticamente associado a todos os cenários de portfólio relacionados a esse investimento. Tal associação com o POR verifica se os custos de investimento estão incluídos nos cenários de portfólio. Mais tarde, se você selecionar outro POR para o investimento, o novo POR será usado no portfólio, contanto que não exista nenhum orçamento aprovado para o investimento. Quando um orçamento é aprovado, alternar o POR não afeta o valor exibido nas páginas de resumo financeiro do investimento. O valor do resumo financeiro é igual ao valor mostrado no portfólio.
Agrupando dados do plano de custo
É possível agrupar os dados de plano de custo usando atributos ou critérios diferentes para visualizar uma análise dos dados por período. A estrutura dos detalhes de item de linha do plano de custo baseia-se nos atributos de agrupamento e nos períodos selecionados.
De um modo global, o controlador financeiro pode definir os atributos de agrupamento padrão ao definir uma entidade. O gerente de projeto pode alterar os atributos padrão ao definir o escopo inicial do plano de custo no nível de investimento. Somente os atributos de agrupamento definidos no escopo inicial estão disponíveis para seleção ao adicionar detalhes de item de linha. É necessário selecionar ao menos um valor para cada atributo de agrupamento disponível ou a opção para preencher automaticamente os detalhes de item de linha. As linhas individuais do detalhe de item de linha são criadas para cada combinação exclusiva de valores selecionados para todos os atributos de agrupamento disponíveis.
Ao definir um plano de custo, se um determinado atributo de agrupamento não for selecionado, ele ficará oculto nas páginas de planejamento de custo, mas ainda estará disponível nas páginas de configuração. Não é necessário configurar a página para ocultar manualmente o atributo.
Detalhes de item de linha do plano de custo
Este exemplo mostra como linhas de detalhes do item de linha são criadas em um plano de custo com base nos valores selecionados de atributos de agrupamento disponíveis.
  1. Jim, o gerente de projeto do projeto ARP na Forward, Inc. cria um plano de custo e seleciona os seguintes atributos de agrupamento:
    • Local
    • Departamento
  2. Nos detalhes do plano de custo, Jim seleciona os seguintes valores para cada atributo de agrupamento:
    • Local: Boston, MA e São Francisco, CA
    • Departamento: Desenvolvimento de software e TI corporativa
    O sistema cria linhas de detalhes do item de linha com base em cada combinação exclusiva do local e do valor de departamento selecionados.
    Jim agora pode definir a unidade e os valores de custo para cada período e visualizar uma lista detalhada do plano de custo para cada combinação exclusiva de departamento e local.
Definir manualmente os planos de custo
Você pode criar um plano de custo manualmente ou preencher automaticamente um plano de custo. As etapas a seguir descrevem como definir manualmente um plano de custo.
Antes de criar planos de custo, verifique a existência dos seguintes itens:
  • Configure períodos fiscais ativos.
  • Defina um investimento ativado financeiramente.
Siga estas etapas:
  1. Abra a Página inicial e, em Gestão de portfólio, clique em um investimento (por exemplo, Projetos).
    A página da lista é exibida.
  2. Abra o investimento.
    A página Propriedades é exibida.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
    A lista Planos de custo é exibida.
  4. Clique em Novo plano manual.
    A opção Criar página é exibida.
  5. Preencha os seguintes campos:
    • Nome do plano
      Define o nome do plano de custo.
    • ID do plano
      Define a ID exclusiva do plano de custo.
    • Descrição
      Descreve o plano de custo.
    • Tipo de período
      Define o tipo de período para o plano.
      Padrão:
      o tipo de período conforme definido nos padrões do plano da entidade. Se nenhum tipo de período for especificado nos padrões de plano, o tipo de período das propriedades da entidade será preenchido.
      Valores:
      13 Períodos, Semanal, A cada 15 dias, Mensal, Trimestral e Anual
    • Período inicial do plano
      Define o período inicial fiscal do plano de custo.
      Padrão:
      o período inicial é definido nos padrões de planejamento da entidade. Se nenhum período inicial for especificado nos padrões de plano, o período inicial terá como base o tipo de período da entidade e a data de início do projeto. Se nenhum período ativo for encontrado na data de início e término do projeto, nenhum período inicial padrão será exibido.
    • Período final do plano
      Define o período final fiscal do plano de custo.
      Padrão:
      o período final é definido nos padrões de planejamento da entidade. Se nenhum período final for especificado nos padrões de plano, o período final se baseará no tipo de período da entidade e na data de término do projeto. Se nenhum período ativo for encontrado para a data de término do projeto, nenhum período final padrão será exibido.
    • Plano de benefícios
      Define o plano de benefícios associado ao plano de custo.
    • Moeda
      Exibe a moeda local da entidade.
    • Plano de registro
      Indica se este plano de custo é o plano de registro.
    • Atributos de agrupamento
      Define as categorias a serem usadas para definir a estrutura de detalhe do item de linha do plano de custo.
      Padrão:
      os atributos de agrupamento são definidos nos padrões de planejamento da entidade.
  6. Salve as alterações e clique em Detalhe.
    A página Detalhes do plano de custo é exibida.
  7. Clique em Adicionar.
    A página para selecionar os valores do atributo de agrupamento é exibida..
  8. Selecione um ou mais valores para cada atributo de agrupamento e salve. Selecione pelo menos um atributo de agrupamento antes de salvar um plano de custo. Os atributos de agrupamento não selecionados nas propriedades do plano de custo não serão exibidos nos detalhes de item de linha.
    Uma linha de detalhes do item de linha é criada para cada combinação exclusiva dos valores do atributo de agrupamento selecionados.
  9. Revise ou preencha os seguintes campos, conforme desejado. Não é possível editar todos os campos:
    • Custo total
      Exibe o custo total com base nos custos especificados para cada período.
    • Total de unidades
      Exibe o total de unidades com base nas unidades especificadas para cada período.
    • Receita total
      Exibe o custo total com base na unidade e no custo especificados para cada período.
    • % Total
      Exibe a porcentagem do detalhe do item de linha com base no custo total.
    • Detalhes de unidade, custo e receita
      Define unidades, custo e receita do esforço de trabalho do período do plano de custo. As unidades de esforço de trabalho são baseadas na disponibilidade da função ou recurso do investimento associado.
  10. Salve as alterações.
Preencher automaticamente os planos de custo
Ao criar um plano de custo, é possível preencher automaticamente o plano usando valores de atribuições de tarefas ou da equipe de investimento (isto é, recursos ou funções). O preenchimento automático de um plano de custo economiza tempo.
Pode-se também preencher novamente um plano de custo existente.
Os valores são preenchidos automaticamente em um plano de custo com base nos seguintes atributos financeiros predefinidos:
  • Os períodos inicial e final têm como base o tipo de período fiscal da entidade associada e nas datas inicial e final do investimento associado.
    O preenchimento automático usa as datas de início e de término do investimento para determinar os períodos fiscais ativos definidos na entidade associada. Todos os períodos fiscais são preenchidos ignorando a data de congelamento definida nos padrões de planejamento da entidade.
  • Os atributos de agrupamento têm como base os atributos de agrupamento padrão definidos na entidade associada. Se os atributos de agrupamento padrão não forem definidos na entidade, é possível defini-los no plano de custo.
  • Os valores dos atributos de agrupamento têm como base a equipe de investimento ou atribuições de tarefas.
  • Os custos e as receitas dos recursos se baseiam em custos e taxas definidos na matriz de custo/taxa financeira associada ao investimento. Verifique se existe uma matriz de custo/taxa abrangendo toda a duração do investimento ao qual o plano de custo é associado. Se o custo/taxa não estiver definido na matriz de um período do investimento, será exibida uma mensagem de erro.
  • A matriz é associada ao investimento na seção apropriada. Por exemplo, para mão-de-obra, associe a matriz sob a seção Taxas de transação de mão-de-obra.
  • As unidades de trabalho são baseadas na soma das unidades de trabalho de todas as funções ou recursos. As funções ou recursos são provenientes da equipe de investimento ou da atribuição de tarefa com os mesmos valores de atributo de agrupamento da linha de detalhe do item de linha.
  • Ao fazer o preenchimento a partir da equipe de investimento, cada membro da equipe é uma linha candidata. No entanto, se dois integrantes da equipe tiverem os mesmos valores de atributo do agrupamento, uma linha de detalhes do item de linha será criada para representá-los. Por exemplo, se o agrupamento for por Classe de transação e Departamento, e dois integrantes da equipe tiverem a mesma classe de transação e departamento, o produto criará uma linha de detalhes de item de linha do plano de custo. Essa linha representa a soma de valores dos dois registros porque cada linha de detalhe deve conter uma combinação exclusiva de valores do atributo de agrupamento.
  • O produto substituirá os valores de custo, receita e quantidades nas linhas criadas manualmente somente se a linha tiver atributos de agrupamento existentes no investimento.
Ao preencher automaticamente um plano de custo, tanto os recursos de mão-de-obra quanto os não relacionados à mão-de-obra usam as unidades de ORG de departamento e local associadas ao valor do local de origem na entidade. Por exemplo, se o valor do local de origem de um recurso for Investimento na entidade, os departamentos e locais associados ao investimento são usados para os valores planejados. Para os valores reais de transação, recursos de mão-de-obra e que não sejam de mão-de-obra usam as unidades de ORG de departamento e local associadas com as definições de WIP. Por exemplo, em um plano de custo agrupado por departamento ou local, você pode acabar com duas linhas quando as configurações de WIP usarem a origem do funcionário, e quando as configurações de entidade usarem a origem do investimento.
Preencher planos de custo a partir da equipe de investimento
Ao se preencher automaticamente um plano de custo a partir da equipe de investimento, o sistema usa os valores, na tabela a seguir, dos integrantes da equipe de investimento para preencher os campos do plano de custo. Se um valor não estiver definido para um integrante da equipe, o valor correspondente no investimento será usado ou o campo será deixado em branco.
Valor
Integrante da equipe
Origem principal
Origem secundária
Código de encargo
Recurso ou função
Investimento
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no investimento.
Tipo de custo
Recurso ou função
Investimento
Com base no % de capitalização especificado no nível da equipe para o recurso ou a função, valores de capital ou operacionais são transmitidos à matriz de custo/taxa associada. A divisão de custos correspondentes por valores de capital e operacionais será exibida nos detalhes do plano de custo, contanto que as seguintes condições sejam verdadeiras:
  • Tipo de custo é uma coluna atribuída na matriz de custo/taxas.
  • Tipo de custo é um atributo de agrupamento nos detalhes do plano de custo.
N/A (Tipo de custo é um campo obrigatório para um investimento)
Código de tipo de entrada
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no recurso ou se o integrante da equipe for uma função.
Código de tipo de entrada
Função
N/D
O campo estará em branco se o integrante da equipe for uma função.
Departamento
Recurso de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Departamento
Recurso que não é de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Departamento
Função
Unidade de ORG de equipe
Investimento
Local
Recurso de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Local
Recurso que não é de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Local
Função
Unidade de ORG de equipe
Investimento
Classe da transação
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no recurso.
Classe da transação
Função
Função*
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido na função.
Recurso
Recurso
Integrante da equipe
Nenhum
Recurso
Função
ND
O campo estará em branco se o integrante da equipe for uma função.
Classe de recurso
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no recurso.
Classe de recurso
Função
Função*
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido na função.
Função
Recurso
Função da equipe
Se não houver nenhuma função de equipe, a função principal do recurso será usada. O campo ficará em branco se o recurso não tiver uma função principal.
Função
Função
Função da equipe
Se não houver nenhuma função de equipe, o integrante da equipe (função) será usado.
*A função obtida para o atributo Função.
Por exemplo: preencher os detalhes do item de linha da equipe de investimento
Este exemplo mostra como uma linha de detalhe do item de linha do plano de custo é preenchida automaticamente com valores de custo e receita da equipe de investimento.
  • Jim, o gerente de projeto da Forward, Inc. cria um plano de custo para o projeto ARP usando as informações a seguir para definir o escopo do plano:
    • Períodos fiscais mensais de 1º de janeiro a 31 de março
    • Atributos de agrupamento: recurso, função, classe de transação
  • Jim seleciona a opção para preencher os detalhes do item de linha do plano de custo da equipe de investimento.
  • Com base no escopo do plano de custo definido e nos valores do integrante da equipe do projeto, o sistema identifica internamente a linha, na tabela a seguir, como uma linha candidata de detalhes do item de linha:
Recurso
Função
Classe da transação
Local
Departamento
Sam Ricci
Desenvolvedor-1
Cobrável
Los Angeles
Desenvolvimento
  • O sistema transmite os valores de atributos financeiros da linha candidata para a matriz de custos/taxas na tabela a seguir que define os custos com base em valores de função e de local. O sistema transmite todos os atributos financeiros com suporte na matriz de custo/taxa (não apenas os valores do atributo de agrupamento).
Função
Local
Custo
Desenvolvedor-1
São Francisco
85
Desenvolvedor-1
Los Angeles
83
Desenvolvedor-2
São Francisco
75
Desenvolvedor-2
Los Angeles
72
  • O sistema identifica “83” como o custo aplicável depois de fazer a correspondência dos valores da função, local, classe de transação e outros atributos financeiros com as linhas da matriz.
  • Com base no custo e na linha candidata identificados anteriormente, o sistema cria a linha de detalhes do item de linha, na tabela a seguir, no plano de custo:
Recurso
Função
Classe da transação
Jan 1 - Jan 31
Fev 1 - Fev 29
Mar 1 - Mar 31
Sam Ricci
Desenvolvedor-1
Cobrável
83
83
83
Preencher planos de custo a partir de atribuições de tarefa
Ao preencher automaticamente um plano de custo a partir da atribuição de tarefas, o produto usa os valores, na tabela a seguir, das atribuições da tarefa para preencher os campos do plano de custo. Se um valor não estiver definido para uma atribuição, o valor correspondente no investimento será usado ou o campo será deixado em branco.
Valor
Atribuição de tarefa
Origem principal
Origem secundária
Código de encargo
Recurso ou função
Tarefa
Investimento. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no investimento.
Tipo de custo
Recurso ou função
Tarefa
Investimento
Código de tipo de entrada
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver inativo ou indefinido no recurso, ou se o recurso for uma função.
Código de tipo de entrada
Função
Não aplicável
Nenhum. O campo estará em branco se o destinatário da tarefa for uma função.
Departamento
Recurso
Local de origem da entidade
Investimento
Departamento
Recurso que não é de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Departamento
Função
Unidade de ORG de equipe
Investimento
Local
Recurso
Local de origem da entidade
Investimento
Local
Recurso que não é de mão-de-obra
Local de origem da entidade
Investimento
Local
Função
Unidade de ORG de equipe
Investimento
Classe da transação
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor não estiver definido no recurso ou se a atribuição da tarefa for uma função.
Classe da transação
Função
Função*
Recurso
Recurso
Destinatário da tarefa
Recurso
Função
Não aplicável
Se o destinatário da tarefa for uma função, o campo estará em branco.
Classe de recurso
Recurso
Recurso
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido no recurso.
Classe de recurso
Função
Função*
Nenhum. O campo estará em branco se o valor estiver indefinido na função.
Função
Recurso
Função da tarefa
Função da equipe. Se a função da equipe estiver indefinida, a função principal do recurso será usada. O campo ficará em branco se o recurso principal for indefinido.
Função
Não aplicável
Função da tarefa
Função da equipe. Se a função da equipe não estiver definida, o integrante da equipe (função) será usado.
*A função obtida para o atributo Função.
Preparar para preencher automaticamente os planos de custo
Execute estas etapas para configurar o preenchimento automático dos planos de custo:
  1. Defina os padrões de plano da entidade para o tipo de período fiscal e os atributos de agrupamento.
  2. Definir custos e taxas na matriz de custo/taxas.
  3. Ativar o investimento financeiramente e associar uma matriz de custo/taxa, além de atribuir funções ou recursos ativos para tarefas do projeto.
  4. Ativar financeiramente o recurso ou a função. Esta ação é recomendada para projeções de custo mais precisas.
Preencha os planos de custo automaticamente
Crie um plano de custo preenchendo automaticamente o plano usando valores da equipe de investimento ou atribuições de tarefas.
Siga estas etapas:
  1. Abra a opção Início e, em Gestão de portfólio, clique em um investimento.
    A página da lista é exibida.
  2. Abra o investimento.
    A página Propriedades é exibida.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
    A lista Planos de custo é exibida.
  4. Abra o menu Ações e, em Geral, clique em uma das opções a seguir:
    • Novo a partir da equipe de investimento
    • Novo a partir de atribuições de tarefas
    A página Propriedades é exibida mostrando os valores padrão da entidade associada e investimento. É possível aceitar esses valores padrão ou alterá-los.
  5. Insira um nome, uma ID e uma descrição para o plano de custo.
  6. Salve as alterações.
    A página Detalhes do plano de custo é exibida. As linhas de detalhes do item de linha também são preenchidas a partir da equipe de investimento ou das atribuições de tarefas.
  7. (Opcional) Abra o menu Ações e, em Geral, clique em uma das seguintes opções para preencher os detalhes do plano de custo:
    • Preencher a partir da equipe de investimento
    • Preencher a partir de atribuições de tarefas
  8. Salve as alterações.
Editar planos de custo
É possível editar os detalhes da unidade e do custo em um plano de custo clicando nos campos na interface do usuário e alterando os valores. Só é possível editar o plano de custo de períodos fora da data de congelamento definida nos padrões de planejamento da entidade.
Siga estas etapas:
  1. Com o plano de custo aberto, vá para o período correto do plano usando as setas para a esquerda e para a direita na seção Detalhes de unidade, custo e receita.
  2. Edite os seguintes campos:
    • Unidades
      Exibe o número de unidades para o período.
    • Custo
      Exibe o custo para o período.
    • Receita
      Exibe a receita do período.
  3. Salve as alterações.
Criar o plano de registro
Crie um plano de registro para o plano de custo com a finalidade de se preparar para enviar o plano de custo para aprovação de orçamento.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
    A lista Planos de custo é exibida.
  3. Clique no ícone Definir plano de registro ao lado do plano que deseja usar como o plano de registro.
    Uma marca de seleção aparece na coluna Plano de registro do plano selecionado.
    Agora você pode enviar o plano de custo a ser aprovado como o orçamento.
Criar planos de benefícios
Criar um plano de benefícios e associá-lo a um plano de custo permite calcular o ROI ou VPL em um investimento. Embora os planos de custo possam passar por um processo de aprovação para se tornar um orçamento formal, não é necessário aprovar os planos de benefícios. Um plano de benefícios pode ser associado a um número ilimitado de planos de custo, mas um plano de custo pode ter apenas um plano de benefícios associado.
Para gerenciar seus planos de benefícios, crie planos para associar aos planos de custo ou atualize os planos existentes.
Não é possível excluir um plano de benefícios associado a um plano de custo.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de benefícios.
  3. Clique em Novo e preencha as informações solicitadas. Os campos a seguir precisam de explicação:
    • Tipo de período
      Define a unidade do período a ser exibida no plano de benefícios.
    • Período inicial do plano
      Define o primeiro período a ser incluído no plano.
    • Período final do plano
      Define o último período a ser incluído no plano.
  4. Salve as alterações.
Adicionar detalhes de item de linha em planos de benefícios
Use estas etapas para adicionar detalhes de item de linha em um novo plano de benefícios. Os detalhes adicionados são exibidos abaixo do campo Detalhes na página da lista de detalhes dos planos de benefícios. Só é possível definir os detalhes dos períodos aplicáveis ao plano de benefícios.
Siga estas etapas:
  1. Com o plano de benefícios aberto, clique em Adicionar.
  2. Insira os detalhes do plano de benefícios no campo Detalhes.
    Adicione quantos detalhes do benefício forem necessários.
  3. Salve as alterações.
    Os detalhes do plano de benefícios são exibidos listando as informações que você inseriu.
  4. Para cada detalhe do benefício, preencha e revise os seguintes campos na seção Detalhes do benefício.
    • Benefício
      Define o valor do benefício planejado para o período.
    • Benefício realizado
      Define o valor da vantagem real para o período.
    • Variação
      Exibe a diferença entre o benefício real e o planejado para o período.
  5. Salve as alterações.
  6. Verifique os seguintes campos para cada item da linha de detalhes do benefício:
    • % de benefício
      Exibe a porcentagem do item da linha de detalhes do benefício que contribui com o plano de benefício total.
    • Benefício total
      Exibe o benefício total do item da linha de detalhes do benefício.
    • Benefício realizado
      Define o valor da vantagem real para o período.
    • Variação
      Exibe a diferença entre o benefício real e o planejado para o período.
Associar planos de benefícios a planos de custo
Use esta etapa para associar um plano de benefícios a um plano de custo.
Siga estas etapas:
  1. Com o plano de custo aberto, clique em Propriedades.
  2. No campo Plano de benefícios, selecione um plano de benefícios.
  3. Clique em Salvar.
Associar planos de benefícios a orçamentos enviados
A associação do plano de benefícios a um plano de custo é transmitida ao orçamento enviado. Essa associação só poderá ser alterada quando o orçamento estiver com o estado de enviada. Uma vez aprovada, a associação do plano de benefícios não poderá ser alterada.
Siga estas etapas:
  1. Com o plano de orçamento aberto, clique em Propriedades.
  2. No campo Plano de benefícios, selecione um plano de benefícios.
  3. Clique em Salvar.
Criar planos de orçamento
Quando um plano de custo é aprovado, ele se torna o plano de orçamento de um investimento. Você pode enviar uma parte de um plano de custo para aprovação variando as datas de início e término do envio. Somente a parte entre as novas datas de início e término será enviada para aprovação. Quando um plano de custo é aprovado, torna-se um plano de orçamento com um novo número de versão. Se houver um orçamento anterior, ele será salvo separadamente e poderá ser visualizado, mas não editado.
Ao enviar um plano de custo como plano de orçamento, lembre-se destas regras:
  • Se existir um plano de orçamento, o plano de custo enviado deverá incluir os mesmos atributos de agrupamento para mesclar os dados do plano de custo enviado com os dados do plano de orçamento existente. Se os atributos de agrupamento não forem os mesmos, substitua o plano de orçamento existente ou cancele o envio.
  • É possível enviar ou aprovar um plano de orçamento por vez.
  • Quando um orçamento enviado for aprovado, o plano de orçamento se tornará o POR.
  • É possível editar um orçamento enviado, mas não é possível editar um orçamento aprovado.
  • Se existir um orçamento aprovado, os dados do plano de custo enviado podem ser mesclados com orçamento aprovado ou podem substitui-lo.
Enviar planos de custo como planejamentos de orçamento
Envie um plano de custo como um plano de orçamento para criar um novo orçamento aprovado ou para atualizar o orçamento após a atualização do plano de custo. Um plano de custo deve ser designado como o POR antes de ser enviado para aprovação. Se houver um plano de orçamento aprovado e você criar ou atualizar um plano de custo como o novo plano de registro, é possível enviar o plano de registro para ser mesclado com o plano de orçamento aprovado ou para substituí-lo.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
    A lista Planos de custo é exibida.
  3. Copie o valor no campo ID. Esse valor é necessário em uma das etapas a seguir.
  4. Abra o menu Ações e, em Geral, clique em Enviar plano de registro para aprovação.
  5. Preencha as informações solicitadas.
    Os campos a seguir precisam de explicação:
    • ID do plano
      Define uma ID exclusiva para o plano de orçamento. Cole o valor da ID neste campo.
    • Período inicial do plano
      Exibe o período inicial do plano de orçamento. Para enviar uma parte do plano de custo em vez de todo o plano para o orçamento, selecione um período de início diferente.
    • Período final do plano
      Exibe o período final do plano de orçamento. Para enviar uma parte do plano de custo em vez de todo o plano para o orçamento, selecione um período final diferente.
    • Atributos de agrupamento
      Exibe os atributos de agrupamento do plano de custo.
      Se você optar por mesclar o plano de custo com um orçamento aprovado, os atributos de agrupamento do plano de custo precisam corresponder. Se forem diferentes, é possível substituir todo o plano de orçamento, ou cancelar a solicitação de aprovação.
    • Opções de envio
      Especifica se o plano de custo que você está enviando deve ser mesclado com o orçamento aprovado ou deve substituí-lo.
      Essa opção é oculta se você enviar o primeiro plano de custo para aprovação. A opção é definida como Substituir e será somente leitura se os atributos de agrupamento ou os períodos forem diferentes dos atributos no orçamento aprovado.
  6. Clique em Enviar para aprovação.
    O plano de custo designado como plano de registro é enviado como plano de orçamento.
Aprovar ou rejeitar planos de orçamento enviados
Use essas etapas para aprovar ou rejeitar um plano de custo enviado como orçamento. Antes de aprovar ou rejeitar um plano de orçamento, você pode editar os campos na seção Detalhes de unidade, custo e receita, conforme necessário. Pode-se também adicionar detalhes do item de linha ao plano.
Não é possível editar um orçamento aprovado. Envie um novo orçamento para aprovação a fim de substituir o orçamento antigo.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de benefícios.
    A lista Planos de orçamentos é exibida.
  3. Abra o plano de orçamento enviado.
    Os detalhes do orçamento são exibidos.
  4. Edite os campos da seção Detalhes de unidade, custo e receita e salve as alterações.
  5. Clique em Aprovar ou Rejeitar.
Criar uma revisão do orçamento
Um plano de custo aprovado se torna o plano de orçamento para um investimento. Como os elementos de um investimento mudam, é possível revisar as diversas partes do orçamento ou substituir o orçamento inteiro. É possível fazer dois tipos de revisão em um plano de orçamento aprovado:
Revisão do plano de orçamento mesclado
  • Envie um plano de custo com novos itens de linha e mescle as alterações com o plano de orçamento existente.
  • Envie uma parte de um plano de custo variando as datas de início e término do envio ou atualize os valores de campo em períodos específicos. É possível enviar apenas os períodos de tempo alterados e mesclar com o orçamento.
Revisão de plano de orçamento de substituição
  • Envie um plano de custo com itens de linha excluídos e substitua o orçamento para remover esses itens de linha do plano de orçamento.
  • Crie um plano de custo, usando diferentes atributos de agrupamento ou tipos de períodos e substitua o orçamento.
Ambos os tipos de revisão fornecem o histórico de aprovação. No entanto, o recurso de substituição permite que você exclua itens de linha que não são mais necessários e revise os atributos de agrupamento e períodos fiscais.
Ao enviar um plano de custo que revisa um orçamento existente, você especifica a mesclagem ou a substituição usando a lista suspensa Opções de envio. Esse campo é exibido apenas quando há pelo menos um orçamento aprovado. Se o novo plano de custo tiver uma estrutura diferente do orçamento existente, Substituir será a única opção.
Quando o seu plano de custo for aprovado, ele se tornará o plano de orçamento revisado com um novo número de versão. É possível exibir a versão anterior do orçamento, que será salva separadamente. Você não pode editar planos de orçamento anteriores ou os planos de orçamento aprovados atuais.
O diagrama a seguir mostra como um administrador financeiro cria uma revisão orçamentária.
Imagem que descreve como o administrador financeiro cria uma revisão de orçamento
Image describing how a financial administrator creates a budget revision
Exemplo: Revisar o plano de orçamento
O exemplo a seguir ilustra as opções para atualizar o plano de orçamento em todo o artigo. A Forward Inc. possui um novo projeto planejado para mais tarde neste ano. Alice gerencia o projeto e já criou um plano de custo (ProjectA_estimatedCP-00) com as funções necessárias e os custos estimados.
Ela precisa das seguintes funções:
  • Um arquitetos de software
  • Três engenheiros de software Java
  • Dois engenheiros de teste
Alice ainda não contratou a equipe para o projeto. Em seu plano de custo enviado, ela adicionou funções para cada uma das posições e preencheu o plano de custo para os seis meses do projeto.
Ao criar o plano de custo, Alice usou as seguintes propriedades para seu plano de custo:
  • Atributos de agrupamento: Função
  • Tipo de período: Trimestral.
  • Datas de início e término: 2 de julho – 31 de dezembro
Ela enviou as estimativas para aprovação como o plano de orçamento atual. O gerente de produto de Alice aprovou o orçamento estimado. O gerente sabe que o orçamento será alterado antes do início do projeto.
Execute estas etapas:
Verificar os pré-requisitos
Para concluir todas as tarefas, considere estas informações:
Direitos de acesso
Tenha os seguintes direitos de acesso:
  • Financeiro - Plano de custo - Editar
  • Finanças – Plano financeiro – Enviar para aprovação
  • Projeto - Plano de orçamento - Visualizar
  • Projeto - Plano de orçamento - Editar
Tarefas concluídas
Execute as seguintes tarefas antes de iniciar:
  • Crie um plano de custo para o investimento.
  • Especifique o plano de custo como o Plano de registro.
  • Envie o POR para aprovação para se aprovado como o plano de orçamento para o investimento.
Outras informações
Quando você envia um plano de custo para aprovação, ele se torna o plano de orçamento enviado. É possível editar o plano de orçamento enviado; você não pode editá-lo após ele ter sido aprovado.
Adicionar itens de linha ao orçamento
Adicione itens de linha ao plano de custo e mescle as novas linhas no orçamento. Por exemplo, você pode adicionar uma função a um plano de custo, e pode enviar o plano de custo para aprovação como uma alteração mesclada.
Exemplo: revisar o orçamento com uma nova função
Alice determina que o novo projeto precisa de um redator técnico para documentar a ajuda online. Ela adiciona a função de Redator técnico sênior ao plano de custo e envia o plano revisado, ProjectA_estimatedCP-00, como uma revisão mesclada do orçamento.
Siga estas etapas:
  1. Abra a opção Início e, em Gestão de portfólio, clique no tipo de investimento apropriado; por exemplo, Projetos.
  2. Abra o investimento e clique em Planos financeiros.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
  4. Abra o plano de custo.
  5. Clique em Adicionar para adicionar o novo item de linha.
    O Detalhe do plano de custo: a página de propriedades é exibida e mostra os campos de cada atributo de agrupamento que aparece no plano de custo. Por exemplo, se Função for um atributo de agrupamento, o campo Função será exibido.
  6. Selecione os valores do novo item de linha (por exemplo, funções) que você deseja adicionar.
  7. Clique em Salvar e voltar.
  8. Insira o detalhe do período do item de linha.
  9. Salve as alterações e clique em Voltar.
  10. Clique em Ações e selecione Definir como plano de registro.
    Se o plano de custo já for o plano de registro, pule esta etapa.
  11. Clique em Sim para confirmar.
  12. Clique em Ações e selecione Enviar plano de registro para aprovação.
    Caso receba a mensagem de erro
    Já existe um orçamento enviado
    , é porque existe outro plano de custo para o investimento como um plano de orçamento enviado.
    O plano de orçamento enviado deve ser aprovado ou rejeitado para que seja possível enviar outro plano para aprovação.
  13. Insira os valores solicitados.
  14. Selecione Mesclar na lista suspensa Opção de envio.
  15. Clique em Enviar para aprovação.
  16. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de orçamento para exibir a lista de planos de orçamento e seus status.
    Você enviou para aprovação um plano de custo que mescla um item de linha adicionado no orçamento existente.
Alterar os valores de período no orçamento
Você pode revisar os valores de período em um plano de custo e pode mesclá-los no plano de orçamento existente. A mesclagem de valores de um ou mais períodos ajuda a manter o orçamento preciso, sem a necessidade de substituir o orçamento inteiro. Por exemplo, você recebe fundos adicionais no seu orçamento para aumentos nos custos de recursos. É possível revisar o custo do recurso apenas para os meses afetados.
Se tiver definido uma data de congelamento na entidade financeira, você só poderá editar o plano de custo dos períodos
posteriores
à data de congelamento.
Exemplo: Anexar períodos ao plano de orçamento
Alice revisa os planos do projeto com seu gerente e descobre que precisa adicionar três meses para um novo recurso solicitado. Alice revisa seu plano de custo adicionando três meses ao projeto e preenche os campos com informações sobre o custo de cada recurso. Ela envia o plano de custo revisado, com a ID de ProjectA_estimatedCP-00, como uma revisão mesclada somente com os meses adicionais.
Siga estas etapas:
  1. Abra a opção Início e, em Gestão de portfólio, clique no tipo de investimento apropriado; por exemplo, Projetos.
  2. Abra o investimento e clique em Planos financeiros.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
  4. Abra o plano de custo.
  5. Vá para o período de tempo correto do plano na seção Detalhes de unidade, custo e receita.
  6. Edite os campos Unidades, Custo e Receita para o período de tempo, como mostrado no gráfico a seguir:
    This figure illustrates how you click the time period that you want to select and enter the values for Units, Cost, and Revenue.
  7. Salve as alterações e clique em Voltar.
  8. Clique em Ações e selecione Definir como plano de registro.
    Se o plano de custo já for o plano de registro, pule esta etapa.
  9. Clique em Sim para confirmar.
  10. Clique em Ações e selecione Enviar plano de registro para aprovação.
    Caso receba a mensagem de erro
    Já existe um orçamento enviado
    , é porque existe outro plano de custo para o investimento como um plano de orçamento enviado.
    O plano de orçamento enviado deve ser aprovado ou rejeitado para que seja possível enviar outro plano para aprovação.
  11. Especifique os valores de Período de início e Período final apenas para os meses em que você estiver adicionando ou atualizando os valores.
  12. Selecione Mesclar na lista suspensa Opção de envio.
  13. Clique em Enviar para aprovação.
  14. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de orçamento para exibir a lista de planos de orçamento e seus status.
    Você enviou um plano de custo para aprovação que mescla revisões para períodos de tempo no orçamento existente.
Excluir itens de linha do orçamento
Exclua os itens de linha desnecessários e envie o plano de custo como uma substituição do orçamento. Por exemplo, se você desejar remover um item de linha do plano de orçamento, exclua o item de linha no plano de custo. Envie o plano de custo revisado como uma substituição do plano de orçamento.
Selecione Substituir para excluir itens de linha. A seleção da opção Mesclar impede a exclusão e o item de linha permanece no plano de orçamento enviado.
Exemplo: Excluir uma função e substituir o orçamento
Vários meses antes do início do projeto, Alice descobre que deve transferir o número de funcionários de um engenheiro de teste para outro projeto. Ela exclui o item de linha para a função de Engenheiro de Teste Junior do plano de custo, ProjectA_estimatedCP-00, e envia o plano para aprovação. Alice seleciona a opção Substituir para remover o item de linha do orçamento.
Siga estas etapas:
  1. Clique em
    Página inicial
    ,
    Gestão de portfólios
    e selecione um tipo de investimento.
  2. Abra o investimento e clique em
    Planos financeiros
    .
  3. Abra o menu da guia
    Planos financeiros
    e clique em
    Planos de custo
    .
  4. Abra o plano de custo.
  5. Selecione o item de linha que você deseja excluir e clique em
    Excluir
    .
  6. Clique em
    Sim
    para confirmar e clique em
    Retornar
    .
  7. Clique em
    Ações
    e selecione
    Definir como plano de registro
    .
    Se o plano de custo já for o plano de registro, pule esta etapa.
  8. Clique em
    Sim
    para confirmar.
  9. Clique em
    Ações
    e selecione
    Enviar plano de registro para aprovação
    .
    Caso receba a mensagem de erro
    Já existe um orçamento enviado
    , é porque existe outro plano de custo para o investimento como um plano de orçamento enviado.
    O plano de orçamento enviado deve ser aprovado ou rejeitado para que seja possível enviar outro plano para aprovação.
  10. Selecione Substituir na lista suspensa Opção de envio.
  11. Clique em Enviar para aprovação.
  12. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de orçamento para exibir a lista de planos de orçamento e seus status.
    Você enviou para aprovação um plano de custo que substitui o orçamento existente.
Substituir o orçamento por um novo plano de custo
Escolha novos atributos de agrupamento e tipos de período para o orçamento criando e enviando um novo plano de custo que substitua o plano de orçamento aprovado. Por exemplo, ao fazer o planejamento para um futuro projeto, você fornece um orçamento estimado com as funções que acha necessárias. Antes do início do projeto, você cria um plano de custo com os recursos reais e altera os atributos de agrupamento para incluir Departamento e Local. Você então pode enviar o novo plano de custo para substituir o plano de orçamento aprovado.
Exemplo: Enviar um novo plano de custo e substituir o orçamento
Alice preenche todas as posições da equipe e sabe o custo de cada recurso. Ela possui recursos em dois locais e deseja agrupar por departamento e local. Além disso, o gerente de produto solicita que ela use períodos mensais em vez de trimestrais. Alice cria um plano de custo e adiciona cada recurso com seus detalhes de custo. Ela faz as seguintes seleções para as propriedades do plano de custo:
  • Atributos de agrupamento: Local e Departamento
  • Tipo de período: Mensal
Alice salva suas alterações como ProjectA_actualCP-00 e envia o novo orçamento para aprovação.
Siga estas etapas:
  1. Clique em Página inicial, Gestão de portfólios e selecione um tipo de investimento.
  2. Abra o investimento e clique em Planos financeiros.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
  4. Crie um plano de custo e preencha-o.
  5. Clique em Salvar e, em seguida, em Voltar.
  6. Clique em Ações e selecione Definir como plano de registro.
    Se o plano de custo já for o plano de registro, pule esta etapa.
  7. Clique em Sim para confirmar.
  8. Clique em Ações e selecione Enviar plano de registro para aprovação.
    O campo Opção de envio lista a opção Substituir como a única disponível. Você deve substituir o orçamento quando os atributos de agrupamento ou o tipo de período fiscal forem diferentes daquelas propriedades selecionadas para o orçamento existente.
    Caso receba a mensagem de erro
    Já existe um orçamento enviado
    , é porque existe outro plano de custo para o investimento como um plano de orçamento enviado.
    O plano de orçamento enviado deve ser aprovado ou rejeitado para que seja possível enviar outro plano para aprovação.
  9. Clique em Enviar para aprovação.
  10. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de orçamento para exibir a lista de planos de orçamento e seus status.
    Você enviou para aprovação um plano de custo que substitui o orçamento existente.
Verificar o plano de orçamento revisado
Quando você envia o plano de custo para aprovação, ele fica disponível como o plano de orçamento enviado. Você poderá exibir o status do plano de orçamento e editar o plano se tiver os devidos direitos de acesso.
Exemplo: Editar e verificar o plano de orçamento enviado
Alice enviou o plano de custo revisado para aprovação. O plano permanece no estado de plano de orçamento enviado até que o gerente o aprove. Ela verifica que suas revisões foram mescladas ou substituíram o orçamento corretamente. Ao examinar o plano, Alice vê que o valor do custo de outubro está incorreto para um dos recursos. Ela altera manualmente o valor e salva suas alterações. Seu gerente aprova o orçamento; e Alice revisou e aprovou com êxito o plano de orçamento com suas alterações.
Siga estas etapas:
  1. Abra a opção Início e, em Gestão de portfólio, clique no tipo de investimento apropriado; por exemplo, Projetos.
  2. Abra o investimento e clique em Planos financeiros.
  3. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de orçamento.
  4. Abra o plano de orçamento enviado para exibir as revisões e verifique se estão corretas.
  5. Edite os valores do plano de orçamento com quaisquer revisões necessárias.
  6. Salve as alterações e clique em Voltar.
    Depois de ter verificado que o orçamento enviado está correto e foi aprovado, você terá revisado com êxito o plano de orçamento aprovado.
Copiar planos financeiros
É possível copiar um plano financeiro de um investimento para criar um novo plano. Pode-se também copiar um plano financeiro durante a criação de um investimento a partir de um modelo de investimento que inclui planos financeiros.
Lembre-se destas regras ao copiar um plano financeiro existente para criar outro plano:
  • No plano de custo alvo, o tipo de período fiscal e os valores do atributo de agrupamento são padrão para os valores do plano de custo de origem . Não é possível alterar esses valores.
  • Quaisquer instâncias do processo associadas ao plano financeiro de origem não são copiadas para o novo plano.
  • Quaisquer processos associados ao custo ou aos objetos do plano de benefícios estão disponíveis para que o novo plano gere instâncias do processo.
  • É possível copiar planos de custo e de benefícios, mas não planos de orçamento.
Como os dados do plano financeiro são copiados
Este exemplo mostra como os dados são copiados de um plano de origem para o plano de destino com base nas seguintes entradas do usuário:
  • Períodos a serem copiados do plano de origem
  • Períodos inicial e final do plano de destino
  • Jim, o gerente de projeto para o projeto ARP na Forward, Inc., seleciona um plano de custo existente para copiar e criar um novo plano. O plano de custo existente abrange os seguintes períodos:
    • Período inicial: 01/01/09 a 31/01/09
    • Período final: 01/12/09 a 31/12/09
  • Na página Copiar plano de custo, Jim especifica como períodos da cópia na seção Copiar dados a partir do plano de custo de origem, o seguinte:
    • Período inicial: 01/06/09 a 30/06/09
    • Período final: 01/12/09 a 31/12/09
  • Na seção Plano de custo alvo na mesma página, Jim especifica o seguinte como os períodos inicial e final do plano de custo alvo:
    • Período inicial do plano: 01/01/11 a 31/01/11
    • Período final do plano: 01/12/11 a 31/12/11
    Os dados de junho de 09 a dezembro de 09 do plano de origem são copiados para o período de janeiro de 2011 a junho de 2011 no plano de destino.
Copiar planos de custo
Use as etapas abaixo para copiar um plano de custo existente a partir de um investimento para criar um novo plano de custo. Você pode copiar o plano de custo ou apenas uma parte dele e modificá-lo.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de custo.
    A página da lista é exibida.
  3. Marque a caixa de seleção ao lado do plano de custo que você deseja copiar.
  4. Abra o menu Ações e, em Geral, clique em Copiar plano de custo.
    A página Copiar plano é exibida.
  5. Preencha ou verifique os seguintes campos na seção de Copiar dados do plano de custo de origem:
    • Nome do planejamento de origem
      Exibe o nome do nome do planejamento de origem.
    • Período de início
      Define o período de início da cópia. Os dados são copiados para o plano de destino com base nesse período de início e no período de início do plano de destino.
      Padrão:
      o período de início do plano de origem.
    • Período final
      Define o período final da cópia. Os dados são copiados para o plano de destino com base no período final e no período final do plano de destino.
      Padrão:
      o período final do plano de origem.
    • Dimensionar em %
      Define a porcentagem para dimensionar (aumentar ou diminuir) os valores em dinheiro no plano copiado.
      Exemplo:
      digite 75% para aumentar os valores do planejamento de origem em 75% em relação aos valores originais.
      Padrão:
      0% Nenhuma alteração nos valores.
  6. Preencha ou verifique os seguintes campos na seção Plano de custo alvo:
    • Nome do plano
      Define o nome do plano de destino.
      Padrão:
      o nome do plano de origem recebe o prefixo Cópia de.
    • ID do plano
      Define a ID exclusiva do plano de destino.
      Padrão:
      a ID do plano de origem recebe o prefixo Cópia de.
    • Descrição
      Define uma descrição do plano de destino.
      Padrão:
      a descrição do plano de custo de origem.
    • Tipo de período
      Exibe o tipo de período fiscal.
      Padrão:
      o tipo de período fiscal do plano de origem. Não é possível alterar o tipo de período padrão.
    • Período inicial do plano
      Define o período inicial do plano de destino.
      Padrão:
      o período inicial do plano de origem.
    • Período final do plano
      Define o período final do plano de destino.
      Padrão:
      o período final do plano de origem.
    • Plano de benefícios
      Exibe o plano de benefícios associado ao plano de origem (se houver).
    • Moeda
      Exibe a moeda do sistema selecionada durante a configuração financeira.
    • Atributos de agrupamento
      Exibe os atributos de agrupamento do plano.
      Padrão:
      os atributos de agrupamento do plano de origem. Não é possível alterar esses atributos de agrupamento.
  7. Salve as alterações.
    O plano de custo é copiado e o novo plano é listado na página de lista Planos de custo.
Copiar planos de benefícios
Use as etapas abaixo para copiar um plano de benefícios existente para criar um novo plano. É possível copiar todo o plano ou uma parte dele. Depois de copiar o plano, é possível modificá-lo.
Siga estas etapas:
  1. Abra o investimento.
  2. Abra o menu Planos financeiros e clique em Planos de benefícios.
    A lista Planos de benefícios é exibida.
  3. Selecione o plano de benefícios que deseja copiar.
  4. Abra o menu Ações e, em Geral, clique em Copiar plano de benefícios.
    A página Copiar plano de benefícios é exibida.
  5. Preencha ou verifique os seguintes campos na seção Copiar dados do plano de benefícios de origem:
    • Nome do planejamento de origem
      Exibe o nome do nome do planejamento de origem.
    • Período de início
      Define o período de início da cópia. Os dados são copiados para o plano de destino com base nesse período de início e no período de início do plano de destino.
      Padrão:
      o período de início do plano de origem.
    • Período final
      Define o período final da cópia. Os dados são copiados para o plano de destino com base no período final e no período final do plano de destino.
      Padrão:
      o período final do plano de origem.
    • Dimensionar em %
      Define a porcentagem para dimensionar (aumentar ou diminuir) os valores em dinheiro no plano copiado.
      Exemplo:
      digite 75% para aumentar os valores do planejamento de origem em 75% em relação aos valores originais.
      Padrão:
      0% Nenhuma alteração nos valores.
  6. Preencha os campos a seguir na seção Plano de benefícios alvo da página.
    • Nome do plano
      Define o nome do plano de destino.
      Padrão:
      o nome do plano de origem recebe o prefixo Cópia de.
    • ID do plano
      Define a ID exclusiva do plano de destino.
      Padrão:
      a ID do plano de origem recebe o prefixo Cópia de.
    • Tipo de período
      Exibe o tipo de período fiscal.
      Padrão:
      o tipo de período fiscal do plano de origem. Não é possível alterar o tipo de período padrão.
    • Período inicial do plano
      Define o período inicial do plano de destino.
      Padrão:
      o período inicial do plano de origem.
    • Período final do plano
      Define o período final do plano de destino.
      Padrão:
      o período final do plano de origem.
  7. Salve as alterações.
    As propriedades do plano de benefícios exibem os valores recém-copiados do plano.
  8. Analise o valor no campo Benefício total que reflete a porcentagem de escala aplicada ao copiar dados do plano de origem.
  9. Clique em Detalhes para revisar ou alterar os detalhes do plano de benefícios.
    O valor total do benefício é dividido para os novos períodos de planejamento. Os valores zero são exibidos nos períodos que não fazem mais parte do novo plano de benefícios.