Atualização e impacto de mudanças

ccppmop1592
HID_HID_release_info_change_impact_od
A página
Atualização e impacto de mudanças
destaca alterações significativas, ações necessárias, problemas conhecidos e opções recomendadas para os clientes que estão atualizando da release anterior para a release o
Clarity
15.9.1
. Planeje a atualização do
Clarity
e determine as opções que melhor atendem às suas necessidades de negócios. As equipes também podem usar essas informações para planejar a adoção de novos recursos, a integração e os esforços de treinamento.
Para obter informações relacionadas à compatibilidade, consulte Especificações de compatibilidade de hardware e software
Para obter informações sobre a instalação e atualização, consulte Instalando e atualizando.
Por exemplo, você está atualizando do
Clarity
release 15.5 para
15.9.1
. Revise as alterações feitas nas releases 15.5, 15.5.1, 15.6, 15.6.1, 15.7, 15.7.1, 15.8, 15.8.1 e 15.9 antes e depois da atualização. Para alternar para a página
Atualização e impacto de mudanças
de cada release, clique no menu
Versões
no topo desta página. Verifique periodicamente se o conteúdo foi atualizado, principalmente se você tiver baixado um arquivo PDF. A edição em inglês desta documentação é atualizada periodicamente com novas informações, incluindo novos exemplos, explicações, correções e informações de patch.
De modo a se preparar para uma atualização para o
Clarity
15.9.1
, verifique os caminhos de atualização suportados, os recursos, os aprimoramentos e as ações de atualização necessárias. As informações a seguir resumem como as novas alterações introduzidas nessa release afetam a sua experiência de atualização.
Do
Clarity
15.7 em diante - o OracleJDK será substituído pelo AdoptOpenJDK
Java Image
Em vigor desde 19 de agosto de 2019, o
Clarity
descontinuou as atualizações de produto relacionadas ao Oracle Java. Isso permitirá que nossa equipe de desenvolvimento se concentre em agregar valor às futuras releases de produto. A CA Technologies, uma empresa da Broadcom Company (CA), continua oferecendo suporte a seus produtos e a apoiar os termos e condições estabelecidos nos contratos de licença entre a CA Technologies e seus clientes.
Os clientes existentes podem continuar executando e usando releases que incluem componentes do Oracle Java em ambientes de produção e não produção
. No entanto, para resolver quaisquer problemas futuros de segurança e vulnerabilidade do Java que possam surgir, pode ser necessário que os clientes instalem um service pack ou atualizem para uma release mais recente do
Clarity
que ofereça suporte ao AdoptOpenJDK. Essa alteração não afeta o JasperSoft, que continuará oferecendo suporte ao Java 8.
Esta página inclui as seguintes seções:
2
Novo aplicativo móvel 3.1.0 do Clarity
Linked
O aplicativo móvel 3.1.0 do Clarity foi liberado para as plataformas iOS e Android. Os gerentes de projetos e outras partes interessadas com direitos de acesso relevantes podem usar o aplicativo para revisar e aprovar planilhas de horas de três períodos: anterior, atual e próximo.
Embora o aplicativo móvel 3.1.0 do Clarity ofereça suporte ao Clarity 15.5.0.1 e releases superiores, você só poderá aprovar planilhas de horas se estiver no Clarity 15.9.2 ou releases posteriores. O direito de acesso Mobile - Approve Time - Ir para foi introduzido no Clarity 15.9.2 para oferecer suporte ao recurso de aprovação móvel de planilha de horas.
Para saber mais sobre o aplicativo móvel 3.1.0 do Clarity, consulte Novo: Aplicativo móvel versão 3.1.0 do Clarity.
Nova integração entre Clarity-Rally

As organizações podem usar a integração nova e aprimorada entre Clarity-Rally para garantir que os dados sejam transmitidos sem interrupção entre os dois aplicativos.
A integração nova e aprimorada entre Clarity-Rally é:
  • Fácil de ser ampliada e configurada
    : é possível mapear objetos e atributos entre o Clarity e o Rally para garantir que a integração atenda às suas necessidades específicas.
  • Simples de ser mantida
    : a integração pode ser configurada e mantida pelos administradores do Clarity que têm conhecimento básico do PPM clássico.
  • Validada e suportada pela Broadcom
    : não é necessário executar o teste de regressão depois de cada release.
Linked
Algumas das principais etapas necessárias para a execução da integração são:
  1. Concluir os pré-requisitos relevantes para configurar a integração.
  2. Criar um objeto de integração para integrar o Clarity a uma instância específica do Rally.
  3. Criar um mapeamento de integração.
  4. Executar a rotina para importar o mapeamento de integração, a fim de buscar todos os objetos do tipo de item de portfólio do Rally e seus atributos associados.
  5. Definir os mapeamentos de objeto válidos.
  6. Definir os mapeamentos de campo válidos.
  7. Especificar um investimento do Clarity que poderia ser mapeado para um objeto no Rally.
  8. Executar a rotina de informações mapeadas sincronizadas para sincronizar dados entre o Clarity e o Rally.
  9. Revisar a tabela de armazenamento temporário do Clarity para entender as alterações a serem enviadas do Rally para o Clarity.
Impacto da atualização
: os clientes podem continuar usando a nova integração do Rally e as integrações de Hierarquia do item de portfólio, Investimentos ou (Clarity) Planilha de Horas do Rally, se houver necessidade.Se um cliente tiver configurado uma integração do "Agile", não haverá impacto na integração existente após a atualização.As novas rotinas (importação de mapeamentos de integração, sincronização de informações mapeadas e importação de tabelas de armazenamento temporário, por exemplo) são definidas como incompatíveis com as rotinas antigas (Sincronizar o Agile Central e Criar investimentos no Agile Central, por exemplo) para que elas não sejam executadas simultaneamente.
Pontos importantes a serem lembrados
  • Se a rotina de importação de mapeamento de integração não for executada após a criação de uma instância dos mapeamentos de integração, o Clarity e os Objetos do Rally não serão disponibilizados nos respectivos menus suspensos.Se você criar outros atributos personalizados (no Clarity ou no Rally), a rotina de importação de mapeamento de integração deverá ser executada para garantir que eles estejam disponíveis na grade de mapeamento de campo
  • Após a execução da rotina de sincronização das informações mapeadas, o usuário receberá acesso automaticamente às tabelas de armazenamento temporário.
  • Os direitos de acesso global do mapeamento de integração (visualizar, editar e excluir) são automaticamente adicionados ao grupo Administrador de sistemas do PMO. Esse processo de back-end permite acesso às tabelas de armazenamento temporário.
Para saber mais sobre a nova integração do Clarity-Rally, consulte Conexões do Clarity – integrações do Rally.
Aprimoramentos de acessibilidade
Linked

Os seguintes componentes do Clarity são compatíveis com os quatro aspectos de conformidade na forma de suporte à visualização, ao design responsivo, ao teclado e ao leitor de tela:
  • Opções de visualização (grade)
    • Exibição de dinheiro e decimal do número, períodos de Métricas por período, Período de início, Período final, Colunas de totais
  • Visualizações salvas
    • Gerenciar e Salvar como
  • Barra de ação do item (grade de seleção múltipla)
    • Selecionar tudo, Desmarcar tudo, Editar, Marcar para exclusão, Limpar exclusão
  • Seletor de cores - selecionar cor da lista
  • Mensagem da caixa de informações
  • Filtro genérico
  • Alternância de layout (Painel, Grade, Linha do tempo)
  • Anexo (Grade)
  • Pesquisar
  • Aprimoramentos gerais de usabilidade
    • Ícones de ação e pessoas atualizados
    • Atualizações de estilo do banner de experiência do usuário
    • Painel de colunas – seção Expandir/recolher tudo
Para obter mais informações sobre os componentes suportados e o nível de conformidade, consulte Recursos de acessibilidade no Clarity.
Ação de atualização:
nenhuma ação é necessária.
Aprimoramentos para investimentos

Usando reservas mistas na página Definição de equipe alocada
Linked
Agora, o Clarity oferece suporte à reserva mista no espaço de trabalho Definição de equipe alocada. Em muitas organizações, os PMs (Projects Managers - Gerentes de Projetos) inserem alocações de reserva temporária para todos os recursos necessários para um determinado projeto e sua duração. Os gerentes de projeto estão capturando as alocações planejadas. Os gerentes de recursos conversam com o PM para fazerem um alinhamento e, em seguida, convertem as alocações planejadas (temporárias) em alocações confirmadas (definitivas). Geralmente, a conversa ocorre trimestralmente, o que resulta em uma reserva mista.Um integrante de equipe tem reserva mista quando a alocação planejada e a alocação definitiva não são iguais.
Você pode ativar Reservas mistas no PPM clássico na página de configurações Gestão de projetos. Nas releases anteriores, o espaço de trabalho de definição de equipe alocada era disponibilizado no modo somente leitura depois que você ativava a reserva mista. Nessa release, você verá a caixa de seleção Alocações definitivas na visualização Recurso para investimentos e Investimentos para recursos. Para saber mais sobre o espaço de trabalho de definição de equipe alocada, consulte Clarity: solicitar recursos e funções para investimentos da equipe alocada.
Ação de atualização
: nenhuma ação é necessária. Ao fazer a atualização para essa release e houver reservas mistas ativadas, você poderá usar o espaço de trabalho de definição de equipe alocada.
Pontos importantes a serem lembrados:
  • O design funcional do Telescópio não foi alterado com a introdução da alocação definitiva no espaço de trabalho de definição de equipe alocada.
  • O recurso de Telescópio continua usando alocações (planejadas) e não inclui as informações de alocação definitiva (confirmadas).
Módulos de riscos, ocorrências e mudanças disponíveis para todos os investimentos
Em releases anteriores, você podia gerenciar riscos, ocorrências e mudanças para investimentos usando duas abordagens:
  1. Você gerenciava riscos diretamente para cada projeto usando vários atributos de risco e calculando uma pontuação de risco. Ideias e investimentos personalizados incluíam um campo Risco.
  2. Você usa módulos de risco, ocorrências e mudanças em projetos para criar uma lista detalhada de riscos que afetam seus projetos.
Linked
Nessa release, as seguintes alterações foram feitas para aprimorar sua experiência de gestão de riscos
  1. Se você gerenciar riscos diretamente para cada investimento, existe a possibilidade de usar uma nova pontuação de risco de atributo calculado que foi introduzida nessa release. Também foram introduzidos 11 novos atributos de contribuição (Risco da disponibilidade do recurso, Risco de suportabilidade, Risco Técnico, Risco do patrocínio, Risco da cultura organizacional, Risco dos objetivos, Risco de interdependências, Risco de implementação, Risco de interface com o usuário, Risco de flexibilidade, Risco de verba). Como a pontuação de risco é um atributo calculado, você pode preenchê-la preenchendo qualquer um dos 11 atributos que contribuem para a pontuação de risco. Esses atributos estão disponíveis para todos os investimentos.
    Os atributos de risco associados ao objeto do projeto foram depreciados. O Clarity sincronizará os valores entre os atributos depreciados e os novos atributos de um ano antes de anunciar o fim do suporte para o atributo de risco e os fatores de contribuição associados. As visualizações clássicas do PPM continuarão usando atributos de risco depreciados.
  2. Se pretende criar uma lista detalhada de riscos, você poderá usar os módulos de riscos, ocorrências e mudanças para projetos, ideias e investimentos personalizados. Esses módulos anteriormente estavam disponíveis apenas para projetos.
  3. Novos direitos de acesso Criar, Editar, Excluir e Visualizar foram introduzidos nessa release. Os administradores precisarão adicionar os módulos de risco, ocorrências e mudanças ao blueprint e fornecer a você os direitos de acesso relevantes para interagir com os módulos.
timeline
Impacto da atualização
: é necessário considerar os seguintes pontos ao atualizar para essa release:
  • Após a atualização para o Clarity 15.9.2, os blueprints padrão e personalizados associados a ideia e investimento personalizado incluirão automaticamente os módulos de risco, ocorrências e mudanças.
    • Se desejar ocultar esses módulos do blueprint padrão (ideias e investimentos personalizados), você poderá aproveitar a funcionalidade das regras de negócios.
    • Se desejar remover esses módulos dos blueprints personalizados, é possível editar o blueprint e removê-los de modo que eles não fiquem visíveis para o usuário final.
  • Se você tiver editado o atributo de risco em seu ambiente para atualizar a fórmula que calcula o risco, a pontuação de risco e os atributos de risco mostrarão valores diferentes no Clarity. Certifique-se de atualizar o atributo Pontuação de risco para refletir como os riscos são calculados em sua organização.
  • Os administradores precisarão fornecer aos usuários os direitos de acesso global para visualização de riscos, ocorrências e mudanças após a atualização, a fim de garantir que eles possam aproveitar esses módulos.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  1. Subobjetos (módulos) de RICs não estão disponíveis para NPIOs (incluindo ideias) do PPM clássico.
  2. As propriedades de NPIOs do PPM clássico não serão atualizadas.
    1. Os clientes podem configurar propriedades, listas e visualizações de filtro, no PPM clássico, se desejarem usar os novos atributos de risco
Para saber mais sobre riscos, ocorrências e mudanças, consulte Clarity: gerenciar riscos, ocorrências e mudanças para projetos.
Novo widget de rolagem e opções aprimoradas para visualização de totais
Linked
Você verá um widget de rolagem de métricas por período no módulo de definição de equipe. É possível clicar nas setas para frente e para trás no widget a fim de percorrer rapidamente os dados dos diversos períodos. As configurações Período de início e Período final atualizarão o widget e, conforme você percorre os períodos no widget, o Período de início e Período final também são atualizados. Você também pode definir se deseja ver Soma de períodos ou Totais gerais na coluna Totais. Se você selecionar Totais gerais, o Clarity continuará exibindo os Totais por todo o período do seu investimento, mesmo quando percorrer vários períodos usando o widget.
  • Soma de períodos exibe o Total (por exemplo, alocação) do número de períodos na grade (configurados por meio das Opções de visualização).
    • Exemplo – se um investimento tiver uma duração de 12 meses; a grade estiver configurada para exibir 6 meses; Soma de períodos for selecionada – a coluna Totais somará os (por ex.: alocação) 6 meses exibidos na grade.
    • Com Soma de períodos selecionada, o campo Totais pode ser editado.
  • Total geral exibe o Total (por ex.: alocação) por todo o período do investimento, independentemente de quantos períodos são exibidos na grade (configurados por meio das Opções de visualização).
    • Exemplo – se um investimento tiver uma duração de 12 meses; a grade estiver configurada para exibir 6 meses; Totais gerais for selecionada – a coluna Totais somará os (por ex.: alocação) 12 meses de investimento
    • Com Total geral selecionada, o campo Totais não poderá ser editado com períodos na visualização
O widget de rolagem de métricas por período não será exibido até que o usuário tenha selecionado pelo menos uma métrica por período em Opções de visualização.
Impacto da atualização
: sem impacto. Você verá o novo widget em todas as grades em que as métricas por período são suportadas.
Novo layout de linha do tempo para o módulo de tarefas
Linked
Você pode usar o layout de linha do tempo novo e aprimorado para criar e gerenciar tarefas. O Layout de linha de tempo é dividido em uma EAP (Work Breakdown Structure - Estrutura Analítica do Projeto) à esquerda e uma linha de tempo da tarefa à direita. Tanto a EAP como a linha do tempo da tarefa mostram todas as tarefas de subnível associadas ao item de investimento/projeto selecionado. Alguns aprimoramentos importantes feitos na linha do tempo são:
  • Você pode usar a guia COLUNAS para adicionar campos à seção EAP.
  • As barras de resumo são sombreadas com base na conclusão das tarefas associadas a ela.
Impacto da atualização
: na release anterior, o layout de linha do tempo exibia períodos fiscais. Nessa release, o layout de linha do tempo oferece suporte a períodos do calendário. Portanto, quando você atualizar, as tarefas existentes serão exibidas nos períodos do calendário no layout de linha do tempo.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  • A linha do tempo inclui a coluna EAP como uma coluna fixa que não pode ser ocultada nem movida para outra posição de coluna na grade.
    • Há outro atributo Classificação de EAP que os usuários podem, opcionalmente, adicionar como uma coluna na tabela com a linha do tempo na visualização – e salvar a configuração em uma visualização
  • Na linha do tempo, a barra de andamento "% concluído" é exibida para todas as tarefas, incluindo as tarefas de resumo
    • A cor de uma barra da linha do tempo é orientada pelo status da tarefa
    • O "sombreamento" de uma barra da linha do tempo é orientado pela % de conclusão da tarefa
Para saber mais sobre o layout da linha do tempo, consulte Clarity: fases, marcos, tarefas e itens de tarefa pendente do projeto.
Marcar investimentos para exclusão
Linked
Agora, é possível marcar um investimento (projeto, ideia, investimento personalizado) para exclusão no Clarity usando o botão de ação Marcar para exclusão. Quando você marca um investimento para exclusão, o Clarity define o campo Eliminar indicadores. As partes interessadas relevantes agora podem revisar todos os investimentos marcados para exclusão. Uma vez satisfeitas, elas podem executar a rotina de exclusão de investimentos e relatório de horas para excluir os investimentos relevantes.
Antes de marcar um investimento para exclusão, certifique-se de que:
  • O status financeiro dos investimentos é definido como Fechado para impedir novas transações.
  • O status do investimento é definido como Inativo.
  • Nenhuma instância do processo está em execução no momento no investimento.
É necessário ter o direito de acesso global <investimento> - Excluir - Tudo e os direitos de acesso Editar para investimentos que você deseja marcar para exclusão. Os direitos de acesso a seguir foram introduzidos nessa release para facilitar a exclusão de investimentos do Clarity.
  • <Investimento personalizado> - Excluir - Tudo
  • Ideia - Excluir - Tudo
A opção Marcar para exclusão é específica ao Clarity. Essa funcionalidade não afeta a opção Marcar para exclusão no PPM clássico.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  • Qualquer usuário com acesso Excluir - Tudo (Global) e Editar para investimentos personalizados, ideias ou projetos poderá usar a opção Marcar para exclusão.
  • Quando a rotina de exclusão de investimentos e relatório de horas for executada, o sistema excluirá o investimento e todos os dados relacionados.
  • Se um investimento tiver horas trabalhadas da planilha de horas e a caixa de seleção
    Administração
    ,
    Gestão de projetos
    ,
    Configurações
    ,
    P
    ermitir a exclusão dos investimentos marcados que tiverem planilha de horas e dados de transação
    NÃO estiver marcada, você verá uma mensagem indicando que o investimento não pode ser marcado para exclusão.
Para saber mais sobre a exclusão de investimentos, consulte Fechar, desativar e excluir projetos e investimentos.
Impacto da atualização
: sem impacto. Após a atualização para essa release, você será capaz de marcar investimentos para exclusão.
Aprimoramentos para roadmaps

Linked
A funcionalidade de roadmaps foi aprimorada para aproveitar os layouts de painel, grade e linha do tempo utilizados em todo o Clarity. Os roadmaps aproveitam a grade comum do Clarity para garantir que você possa usar funcionalidades como filtro, pesquisa, visualizações salvas, painel DETALHES, suporte para atributos personalizados e exportação para CSV.Agora, a visualização de painel permite que o usuário configure conteúdo adicional a ser exibido no cartão do painel e salve as informações em uma visualização. O layout de visualização da linha do tempo agora inclui o painel DETALHES, que permite editar facilmente os itens do roadmap.
Impacto da atualização
: alguns pontos principais que devem ser lembrados ao atualizar para essa release são:
  • Os usuários podem selecionar seu próprio período de início e período final usando as opções de visualização. Isso os ajudará a ver itens de roadmap além da duração do roadmap.
  • A opção de comparação de cenários não está disponível nessa release.
  • A opção de pesquisa foi aprimorada para que você possa localizar qualquer atributo associado aos itens de roadmap.
  • Os três layouts incluem o layout DETALHES para ajudar os usuários a editar itens de roadmap.
  • Você pode selecionar atributos de número calculado como métricas no layout de linha do tempo como metas na grade.
  • Os roadmaps no Clarity agora oferecem suporte a TSVs.
  • A grade Roadmaps foi aprimorada para exibir métricas por período.
  • Os usuários não podem pesquisar nem configurar TSVs no painel DETALHES
  • Os roadmaps agora oferecem suporte às configurações e globais (Horas, Dias, ETI). A única exceção é quando você especifica um alvo. Como esse valor que você define não é um atributo no Clarity, ele não será atualizado automaticamente com base na sua configuração.
Para saber mais sobre roadmaps, consulte Clarity: planejamento de cima para baixo com roadmaps.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  • Sequência de caracteres grande – os atributos Rich Text agora serão sincronizados com os itens de roadmap de investimentos vinculados
  • A grade Roadmap agora inclui o ícone Adicionar linha, permitindo que os usuários criem roadmaps com os campos obrigatórios.
  • O pop-over Novo roadmap não oferece suporte ao feed "campo obrigatório". Se você tentar criar um novo roadmap com campos obrigatórios, e os campos obrigatórios não estiverem visíveis no pop-over Novo roadmap, o usuário não poderá criar um novo roadmap e receberá uma mensagem da caixa de informações. Os usuários podem usar o ícone Adicionar linha para criar um novo roadmap a fim de preencher os campos obrigatórios.
Expandindo a capacidade das tarefas pendentes

Linked
O Clarity permite criar itens de tarefa pendente para uma fase, um marco ou uma tarefa para dividir o trabalho em atividades menores. A nova página Tarefas pendentes exibe todas as tarefas pendentes atribuídas a você nos vários tipos de investimento do Clarity.
O Clarity introduziu os seguintes direitos de acesso global nessa release:
  • Tarefa pendente - Ir para
  • Tarefa pendente - Criar - Tudo
  • Tarefa pendente - Excluir - Tudo
  • Tarefa pendente - Editar - Tudo
  • Tarefa pendente - Visualizar - Tudo
Esses direitos de acesso são atribuídos ao tipo de licença Visualizador no Clarity.
Impacto da atualização
: após a atualização para essa release do Clarity, você precisará atribuir aos usuários os direitos de acesso Tarefa pendente apropriados.
  • Nas versões anteriores, os usuários não precisavam de nenhum direito adicional para acessar tarefas pendentes. Após a atualização, será necessário atribuir aos usuários os direitos de acesso global relevantes para criar, excluir, editar e visualizar tarefas pendentes. Isso garantirá que os usuários possam acessar tarefas pendentes, no painel de detalhes de Tarefas, sem qualquer erro.
  • Para que os usuários acessem o novo espaço de trabalho Tarefa pendente, você precisará atribuir o direito de acesso Tarefa pendente - Ir para, com os outros direitos novos globais de tarefa pendente.
  • O scorecard de tarefa pendente foi depreciado e não está disponível nessa release.
Pontos importantes a serem lembrados:
  • Tarefas pendentes são implementadas como um objeto do Studio, mas não podem ser aproveitadas no PPM clássico.
  • O objeto Tarefas pendentes não está ativado para uso com processos do BPM.
  • O data warehouse usa as novas tabelas de tarefas pendentes.
  • Os atributos de valor de tarefas pendentes são Nome, ID, Proprietário, Data de vencimento e Concluído
    • O campo ID de Tarefas pendentes oferece suporte à numeração automática
    • Tarefas pendentes não oferecem suporte à capacidade de criar subobjetos.
  • A data de vencimento de tarefas pendentes não tem limitações e podem ficar fora do intervalo de datas de início e término de um investimento.
  • Quando uma tarefa pendente é copiada de um modelo, o Clarity preenche a data de vencimento de tarefas pendentes com o que estiver no campo Data de vencimento (por ex.: em branco ou real) antes da cópia.
Para obter mais informações sobre a página Tarefas pendentes, consulte Clarity: rastrear e editar tarefas pendentes
Regras de negócios para investimentos e objetos mestre personalizados

Linked
Os administradores podem criar regras de negócios Blueprints do Clarity a fim de controlar os módulos ou seções exibidos para os usuários finais. Vamos considerar um exemplo em que o administrador deseja mostrar a seção de resumo executivo no módulo Propriedades somente quando as seguintes condições são atendidas:
  • O usuário é um integrante do grupo de gerentes de portfólio do PMO
  • O ROI é maior que 200%
  • A prioridade da corporação é alta
  • O projeto está ativo
Nesses cenários, os administradores podem aproveitar as regras de negócios para atingir esse resultado.
Ao criar uma regra de negócios, você define:
  • Condições
  • Ações
  • Alvos da ação
Impacto da atualização
: sem impacto. Você pode começar usando a funcionalidade de regras de negócios após a atualização para essa release.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  • As regras de negócios não são uma substituição aos direitos de segurança.
  • Os atributos ocultos, como parte das regras que ocultam as seções, ainda podem ser exibidos na visualização de grade do objeto.
  • As regras de negócios não controlam a exibição do submenu Detalhes, pois elas são definidas por usuários individuais.
  • As regras não serão aplicadas ao blueprint enquanto estiverem ativadas.
  • As regras fazem parte do blueprint e não podem ser movidas entre ambientes, pois não há suporte à API ou ao XOG de blueprint.
  • Se a regra não tiver pelo menos uma condição e uma ação definida, ela não poderá ser ativada.
  • Regras incompletas podem ser salvas, mas não ativadas.
  • As regras não podem usar atributos de anexo, RTF, dinheiro e URL para condições.
  • Se uma seção ou um módulo usado em uma regra for excluído e essa regra tiver apenas uma ação relacionada a essa seção ou esse módulo, a regra será automaticamente desativada se você abri-la
Para saber mais sobre regras de negócios, consulte Clarity: configurar blueprints para projetos.
Aprimoramentos solicitados pelo cliente

Departamentos inativos ocultados de pesquisas de departamento e ORG
Linked
O PPM clássico agora tem o atributo Ativo com o ORG Departamento. Em determinados cenários, em que sua organização muda seus departamentos, você pode optar por limpar a caixa de seleção Ativo associada ao departamento para ocultá-lo no PPM clássico e no Clarity. Ainda é possível ver os departamentos inativos para investimentos existentes. No entanto, quando você procurar um novo ORG para seleção, os departamentos inativos não estarão disponíveis.
Impacto da atualização
: após a atualização para o Clarity 15.9.2, todos os departamentos existentes terão o indicador "Ativo" definido como verdadeiro.Você pode limpar o indicador Ativo associado aos departamentos que deseja ocultar. Além disso, o novo indicador "Ativo" em departamentos é adicionado ao objeto, mas não às visualizações. Após a atualização, os clientes precisarão adicionar manualmente esse indicador às suas visualizações Propriedades de departamento e Lista de departamentos antes de definir o valor.
Pontos importantes a serem lembrados:
  • Defina os novos controles do indicador se o departamento for exibido nas seguintes pesquisas:
    • Pesquisa de departamento
    • ORG do departamento
    • Departamento
    • ORG do recurso
    • Espaço de trabalho Definição de equipe
    • Unidade de ORG da equipe no módulo de equipe alocada do projeto
  • O XOG do departamento foi atualizado para usar o novo indicador "Ativo"
  • Departamentos desativados continuarão sendo exibidos onde foram preenchidos.
  • O departamento desativado não pode ser definido para instâncias de objeto novas ou existentes.
Atualização de seleção múltipla disponível para o layout de grade
Linked
É possível editar vários registros no layout de grade. Quando você selecionar vários registros e clicar no botão Editar, uma janela de edição em massa será exibida. A janela inclui todos os campos que foram exibidos na grade. É possível atualizar os campos relevantes e clicar em Salvar para confirmar as alterações. Caso não seja possível atualizar determinados campos devido às regras de negócios internas, essas alterações serão ignoradas.
  • Os campos de anexo não podem ser alterados durante a edição em massa.
  • Os campos com asterisco não podem ser editados usando a edição em massa.
  • Se a grade tiver o modo Agrupar por ativado, o modo de edição em massa de seleção múltipla não estará ativado.
  • A grade Atributo usada para configurar a segurança no nível de campo não oferece suporte ao recurso de seleção múltipla.
Impacto da atualização
: sem impacto. Você pode atualizar para essa release e começar a usar o recurso de edição em massa.
Para saber mais sobre as grades do Clarity, consulte Componentes comuns
Módulo Links disponível para ideias
Linked
O módulos Links agora está disponível para ideias. Agora, os usuários podem adicionar links para a ideia ou criar uma categoria e adicionar links específicos para essa categoria. Para saber mais sobre como editar blueprints para ideias, consulte Clarity: configurar blueprints para ideias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para a release mais recente, os blueprints padrão e personalizados incluirão automaticamente o módulo Links. O módulo Links em ideias funciona exatamente da mesma forma que os links de tipo de investimento personalizado e não oferece suporte a parâmetros.
  • Se desejar ocultar esse módulo do blueprint padrão para ideias, você pode aproveitar a funcionalidade das regras de negócios.
  • Se desejar remover o módulo dos blueprints personalizados, é possível editar o blueprint e remover o módulo de modo que ele não fique visível para o usuário final.
Permissões de exclusão separadas das permissões de edição
Linked
Agora, é possível separar as permissões de exclusão das permissões de edição.Todos os objetos agora têm os seguintes direitos novos disponíveis:
  • Exclusão global de tudo
  • Exclusão de ORG
  • Exclusão de instância
Agora, quando um usuário cria uma nova instância de objeto, ele não poderá exclui-la sem os direitos de acesso de exclusão.
Impacto da atualização
: ao atualizar para a release mais recente, o Clarity concederá direitos de exclusão a todos os usuários que atualmente têm direitos de edição para um objeto. Quando você concede a um usuário o direito de exclusão, o Clarity não fornece a ele as permissões de visualização ou edição.
Atributo de alias de API adicionado à grade de segurança no nível de campo
Linked
Os clientes desejavam mais informações sobre atributos ao ativar a segurança no nível de campo. A mensagem de erro no Clarity exibe a ID de atributo da API, que só podia ser vista no PPM clássico.
Os atributos mostravam apenas "ID do atributo" que não é o mesmo que a ID da API atribuída ao atributo. Do Clarity 15.9.2 em diante, os clientes podem visualizar e configurar facilmente a segurança no nível de campo com base na ID de atributo da API.
Impacto da atualização
: sem impacto. Ao atualizar para a release mais recente do Clarity, você poderá ver a ID de atributo da API na grade Atributos.
Criar projeto a partir do modelo

Linked
O Clarity introduziu a capacidade de definir a tela de criação ao criar um projeto a partir de um modelo. Isso forçará os usuários a preencher campos obrigatórios ao criar um projeto usando um modelo. Um novo módulo de configuração, Create from Template, foi adicionado ao blueprint Projeto. O blueprint de cada projeto terá a capacidade de definir quais campos serão exibidos ao usuário quando ele criar um projeto usando esse blueprint.
Quando você converter uma ideia em um projeto, agora, o Clarity usará a nova caixa de diálogo modal Create from Template com base no blueprint atribuído ao modelo selecionado.Três opções adicionais são exibidas para copiar equipe, finanças ou riscos, ocorrências e mudanças.
Impacto da atualização
: sem impacto. Esse recurso estará disponível quando você atualizar para a release do Clarity 15.9.2.
Pontos importantes a serem lembrados:
  • Todos os campos obrigatórios definidos pelo Studio, não incluídos em Create from Template, serão automaticamente adicionados à caixa de diálogo modal de criação se o atributo não tiver um valor padrão. Os atributos serão exibidos em ordem alfabética com base no nome.
  • Os campos obrigatórios terão o valor padrão preenchido na tela de criação com base na seguinte lógica:
    1. Valor do modelo do projeto
    2. Se o modelo não tiver o valor preenchido, exiba o valor da definição do Studio.
    3. Exiba o valor nulo se nenhum valor for encontrado no modelo nem no Studio.
Aprimoramentos no data warehouse

Data warehouse e relatórios incluem nova funcionalidade oferecida por roadmaps
A tabela dwh_rdm_item_position do data warehouse foi renomeada para dwh_rdm_picklist_position. O nome dwh_rdm_item_position não estará disponível. Todas as outras tabelas do data warehouse para roadmaps permanecerão iguais.
No relatório Roadmap, a raia e os controles de entrada Cor por agora incluem atributos personalizados. A lista e as opções de painel no Clarity também são incluídas. Os itens padrão anteriores, especificamente, Tipo, Status e No plano agora estão disponíveis por padrão. No entanto, ainda é possível selecioná-los em Opções do painel, se necessário.
Adicionar listas de seleção disponíveis em investimentos para data warehouse
A tabela DWH_INV_PICKLIST agora é uma tabela de pesquisa para listas de seleção. A coluna object_code_key inclui o investimento associado à lista de seleção. A tabela DWH_INV_PICKLIST_POSITION transporta a associação de investimento.
RICs (Risks, Issues and Changes - Riscos, Ocorrências e Mudanças) são capturados no nível de investimento
Agora, todos os objetos de investimento no Clarity (projetos, ideias, investimentos personalizados) oferecem suporte a riscos, ocorrências e mudanças. Para ajudar a promover essa mudança, nessa release, o Clarity inclui uma nova pontuação de risco de atributo calculado. O atributo de risco continua disponível e sendo um atributo de fórmula. No entanto, quando os clientes atualizarem o RICs, o Clarity usará o atributo de pontuação de risco quando salvar as informações no data warehouse.
O atributo de risco foi substituído pelo atributo de pontuação de risco em todos os relatórios de gestão de projetos existentes. O Clarity também tem uma nova visualização para ajudar os clientes existentes a adotar o atributo de pontuação de risco.
Os seguintes relatórios novos foram criados para ajudar os desenvolvedores de relatórios a capturar o RICs para todos os investimentos:
  • Registro de risco do investimento
  • Registro de ocorrência do investimento
  • Registro de requisição de mudança do investimento
  • Resumo de risco, ocorrência e mudança do investimento
Impacto da atualização
: o atributo de risco ainda está disponível no acelerador de PMO. Os clientes que usam o atributo no PPM clássico podem continuar a fazê-lo nessa release. Se os clientes desejarem começar a usar o atributo de pontuação de risco, eles poderão atualizar o acelerador de PMO. Os novos clientes usarão o atributo de pontuação de risco.
Tabelas para armazenar tarefas pendentes atualizadas no data warehouse
Nas releases anteriores, o Clarity usava a tabela dwh_inv_todo para armazenar todas as informações sobre tarefas pendentes. No Clarity 15.9.2 e versões mais recentes, a tabela dwh_cmn_todo armazena todas as tarefas pendentes. O assoc_object_key é usado para vincular-se ao pai. Quando você executar o data warehouse e, se você tiver qualquer item de tarefa pendente que precise ser convertido, o Clarity criará a tabela dwh_cmn_todo_In.
Os clientes podem usar a visualização dwh_inv_task_v para tarefas.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release do Clarity, todas as informações na tabela dwh_inv_todo serão copiadas para a tabela dwh_cmn_todo. A tabela dwh_inv_todo não será depreciada, mas não armazenará qualquer informação.
Aprimoramentos nas hierarquias

A marca BETA não é mais aplicável a hierarquias. Os seguintes recursos foram adicionados a essa release:
Segurança de ORG adicionada a hierarquias
As hierarquias agora oferecem suporte à segurança de ORG. É possível associar uma hierarquia a um ORG para garantir que você aproveite a estrutura existente de ORG ao atribuir direitos para a hierarquia. Para saber mais sobre hierarquias, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Configurar blueprints com canais para hierarquias
Linked
Como administrador do aplicativo ou criador de conteúdo do PMO, você pode usar blueprints para configurar layouts de hierarquias. Você pode copiar e configurar blueprints que refletem as metas de cada unidade de negócios da sua organização. Vamos considerar um exemplo em que várias equipes de gestão de produtos na organização estejam usando hierarquias para chegar a diferentes resultados comerciais. Elas criaram vários atributos personalizados. Alguns atributos são relevantes para a nova equipe de gestão de produtos de aplicativos bancários, enquanto outros são relevantes para a equipe de inteligência artificial de última geração. O administrador pode criar blueprints diferentes para essas equipes, de modo que elas vejam somente as informações que sejam relevantes para cada uma.
Nessa release, o blueprint de hierarquias inclui os módulos Investimentos e Propriedades. Ambos os módulos serão incluídos automaticamente no seu blueprint. Você também pode criar canais para incorporar conteúdo de outra fonte, como site externo, aplicativo ou relatórios de investimento contextuais do PPM clássico nas hierarquias.
Para saber mais sobre blueprints, consulte Clarity: blueprints de hierarquia.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Atribuir cores diferentes a vários tipos de investimento
Linked
Nas releases anteriores do Clarity, você pode selecionar um único atributo de pesquisa de valor ou personalizado para selecionar a cor de todos os cartões de investimento na hierarquia. Nessa release do Clarity, é possível selecionar atributos diferentes para diferentes tipos de investimento que estão disponíveis em sua hierarquia. Você pode selecionar campos do objeto de investimento abstrato e dos objetos concretos (projetos, ideias e investimentos personalizados). Para saber mais sobre como configurar cores para cartões de investimento, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: agora é possível colorir cartões de investimento com base em atributos diferentes para investimentos diferentes. Nas releases anteriores, você podia selecionar um único atributo de pesquisa de valor ou personalizado para selecionar a cor de todos os cartões de investimento na hierarquia.Ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Importar cartões filho diretamente do cartão pai
Linked
Você pode selecionar um cartão de investimento, clicar com o botão direito do mouse e usar a opção Importar filhos para importar vários investimentos como filhos. Para saber mais sobre como importar investimentos nas hierarquias, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Configurar as métricas e os cartões de hierarquia usando os campos de projeto, ideia e investimento personalizado
Na release anterior, os campos que faziam parte do objeto de investimento abstrato estavam disponíveis para seleção nas hierarquias. Nessa release, é possível selecionar campos associados ao objeto de investimento concreto (projeto, ideias, investimentos personalizados) a serem exibidos em cartões de investimento. Também é possível usar as várias métricas disponíveis com objetos de investimento concretos para criar métricas personalizadas para hierarquias. Para saber mais sobre como configurar métricas para cartões de investimento, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Aprimoramentos para métricas personalizadas
Linked
Houve muitas atualizações nas métricas personalizadas para hierarquias.
  • Nas releases anteriores do Clarity, não era possível ver os cálculos das métricas personalizadas depois de criá-las. Nessa release, você pode clicar no ícone Editar associado a uma métrica para visualizar sua definição.
  • Só é possível criar ou excluir uma métrica personalizada quando você tem o direito global Hierarquia - Gerenciar métricas. Sem esse direito de acesso, você verá uma mensagem de erro ao tentar acessar a caixa de diálogo GERENCIAR MÉTRICAS.
  • As métricas de agregação e cálculo agora estão disponíveis em duas guias separadas para fornecer uma melhor experiência do usuário.
  • As métricas personalizadas agora estão disponíveis sob a categoria hierárquica no filtro, na grade entre objetos. As métricas também estão disponíveis no seletor de colunas da categoria hierárquica na grande entre objetos.
Impacto da atualização
: os usuários da hierarquia perderão a capacidade que tinham anteriormente de criar métricas de hierarquia, a menos que tenham o direito de acesso Hierarquia - Gerenciar métricas. Além disso, ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Para saber mais sobre métricas personalizadas, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Analisar hierarquias usando a grade de investimento entre objetos
Linked
A grade de investimento entre objetos para hierarquias inclui duas atualizações importantes:
  • As colunas Pai e Nível estão disponíveis na grade Hierarquias. Você pode adicionar essas colunas à grade para ver como os investimentos estão relacionados entre si.
  • É possível ver as métricas personalizadas na grade de investimento entre objetos. Na release anterior, as métricas personalizadas eram visíveis somente na janela Gerenciar métricas na guia Hierarquia.
Para saber mais sobre a grade de investimento entre objetos, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Aplicando a segurança no nível de campo para hierarquias
Linked
Agora você tem os seguintes recursos para usar a segurança no nível de campo com hierarquias.
  • A segurança no nível de campo agora se aplica às hierarquias.
  • Agora, é possível proteger campos associados ao objeto de hierarquia usando a grade de segurança no nível de campo
  • Você pode proteger os atributos associados ao objeto financeiro abstrato. Considere um cenário em que você deseja proteger o atributo de custo planejado.Como esse atributo está disponível para o objeto financeiro abstrato e o objeto de investimento concreto (projeto, ideias, investimentos personalizados), é necessário:
    • Protegê-lo como o nível do objeto de investimento abstrato (objeto abstrato de investimento e objeto abstrato financeiro)
    • Protegê-lo para objetos de investimento concretos individuais (projetos, ideias, investimentos personalizados)
      Se você proteger o Custo planejado para o objeto financeiro abstrato e projetos, mas não protegê-lo para ideias, o Custo planejado para ideias será visto na grade entre objetos nas hierarquias.
A segurança no nível de campo não se aplica às métricas personalizadas. Se você proteger o campo de custo planejado e, em seguida, criar uma métrica de agregação chamada custo planejado agregado, a métrica de agregação não poderá ser protegida usando a segurança no nível de campo.
Para saber mais sobre a grade de investimento entre objetos, consulte Clarity: criar e editar hierarquias.
Impacto da atualização
: ao atualizar para essa release, o Clarity
excluirá automaticamente todas as visualizações salvas existentes para hierarquias
.
Exibir mensagens quando os usuários efetuam logon no Clarity

Os administradores agora podem exibir as mensagens para os usuários quando eles efetuam logon no Clarity. Os administradores podem usar a seção Configurações do sistema na página Administração para configurar a mensagem e definições associadas.
Login
Para saber mais, consulte Clarity: configurações do sistema.
Impacto da atualização
: sem impacto. Você pode começar a usar esse recurso depois de atualizar para o Clarity 15.9.2.
Pontos importantes a serem lembrados
:
  • A mensagem de logon não será exibida se os usuários estiverem usando o SSO para efetuar logon no Clarity.
  • O Clarity não oferece suporte a vários idiomas para a mensagem de logon.
Introdução às páginas

Linked
Os administradores agora podem definir um conjunto de páginas no Clarity. Trata-se de um único lugar para acessar as páginas desejadas do aplicativo externo ou do Clarity sem estar dentro de uma instância de objeto. Isso permite que os clientes aproveitem a funcionalidade de canal fora da instância de objeto. Os administradores podem definir blueprints para páginas.
Para saber mais sobre páginas, consulte Clarity: trabalhando com páginas e Clarity: blueprints de páginas.
Pontos importantes a serem lembrados:
  • O PPM clássico inclui o novo objeto de Studio chamado "Página".
    • Inclui direitos de acesso de instância, global e ORG
  • Os atributos em Página podem ser protegidos usando segurança no nível de campo.
  • Página não pode ser visto no PPM clássico.
  • Não é possível definir subobjetos para o objeto Página
  • Os canais dentro de um blueprint são limitados ao mesmo limite de administrador: 15.
  • No PPM clássico, o objeto "Página" tem o indicador de ativação de evento. Essa é a configuração de objeto padrão, mas os processos não serão suportados com o objeto Página.
  • Ao definir a segurança, você verá dois objetos "Página" listados. Um refere-se à página de portlets do PPM clássico e o outro à página do Clarity. A descrição da página do Clarity listará a "nova experiência do usuário".
Impacto da atualização:
os administradores precisam atribuir aos usuários o direito de acesso Página – Ir para de modo que eles possam aproveitar essa funcionalidade.
O Internet Explorer 11 não é suportado para os recursos do
Clarity
O
Classic PPM
ainda oferece suporte ao IE 11, entretanto, o
Clarity
não pode estender a compatibilidade com versões anteriores de qualquer tecnologia de navegador antigo, incluindo o IE 11.
Esse não é um problema conhecido do
Clarity
. É um problema conhecido do IE 11. A Microsoft investiu em um novo navegador, o Microsoft Edge.
Se os usuários ignorarem os requisitos de suporte e tentarem usar o IE 11 com o
Clarity
, os seguintes problemas poderão ocorrer:
  • Recursos com defeito ou perdas de memória (sem correções programadas da Microsoft)
  • Ausência de suporte à estrutura do navegador para novos recursos da API REST
  • Apresentação deficiente ou baixo desempenho com HTML 5 e novos componentes angulares
  • Links para outros sites param de funcionar ou mostram mensagens indicando que é necessário atualizar o navegador
Por exemplo, usando o IE 11, você pode fazer com que a linha de tempo do roadmap pare de funcionar, as páginas de definição de equipe alocada podem não carregar todos os recursos e outros problemas podem ocorrer de forma que pareçam
aleatórios
, até que os usuários percebam que estão usando uma tecnologia de navegador antiga e não suportada para acessar uma interface de aplicativo web completamente nova e repleta de recursos de arrastar e soltar. Para obter melhores resultados ao visualizar as páginas da moderna experiência do usuário no
Clarity
, alterne para um navegador novo, como Edge, Firefox ou Chrome.
Aprimoramentos de telemetria
Telemetria é um recurso integrado ao
Clarity
para enviar dados de configuração do sistema e uso do produto à Broadcom. Esses dados ajudam a Broadcom a obter informações sobre o uso que os clientes fazem dos produtos, entender suas necessidades em relação ao software e a se concentrar nos recursos e nas plataformas que são mais comumente usados. A telemetria NÃO coleta nenhuma PII (Personally Identifiable Information - Informações de Identificação Pessoal).
O recurso de aceitação não está mais disponível quando você configura a seção Configuração da conformidade de assinatura nas definições gerais do sistema. O
Clarity
enviará à Broadcom dados de telemetria de todos os seus servidores de produção do
Clarity
. Para saber mais sobre o recurso de telemetria, consulte Definir as configurações gerais do sistema
Painéis não disponíveis no Google Cloud Platform
Os portlets Project Management Schedule Dashboard e Project Management Cost and Effort Dashboard foram descontinuados no Google Cloud Platform. Para obter mais informações, verifique este artigo da base de conhecimento.
Detalhes da atualização da integração com o Microsoft Project
Você deverá desinstalar e atualizar o software de integração do Microsoft Project com o
Clarity
utilizando a versão do
Clarity
que estiver disponível após a atualização em Configurações da conta -> Downloads de software. Observe que os bits da interface do Microsoft Project instalado deve corresponder ao aos bits do Microsoft Project. O Microsoft Project Interface (x86) deve ser instalado para versões de 32 bits do Microsoft Project e o Microsoft Project Interface (x64) deve ser instalado para versões de 64 bits do Microsoft Project.
Comportamento de logoff atualizado para usuários de SAML
Nas releases anteriores, o
Clarity
redirecionava os usuários para o URL de erro quando ele recebia solicitação SAML que não podia processar. No
Clarity
15.9 e releases superiores, o
Clarity
redireciona os usuários para o URL de logoff quando ele recebe uma solicitação SAML válida com os seguintes problemas:
  • Clarity
    não pode encontrar o usuário no seu repositório de usuários ou
  • O usuário está inativo no
    Clarity
    .
Os usuários que usam a localidade Espanhol (Peru) agora terão o símbolo de ponto como um separador decimal.
Mudança
: os usuários que usam a localidade Espanhol (Peru) terão o símbolo de ponto "." como o separador decimal, em vez do símbolo de vírgula ",".
Impacto
: se o usuário mantiver a localidade Peru e tentar usar a vírgula como o separador decimal, o símbolo será ignorado e fará com que os valores inseridos sejam salvos como inteiros grandes, em vez do valor esperado com dígitos decimais. Se desejar, o usuário poderá escolher uma localidade diferente nas configurações da conta que usa a vírgula como o separador decimal.
Mais detalhes
: o Instituto oficial de tributação do Peru usa "." como seu separador decimal. Portanto, o Java (JDK 11.0.5) foi corrigido para honrar o símbolo de ponto em vez de vírgula. Para obter mais detalhes sobre a correção do Java, consulte o artigo da base de conhecimento.
Não é possível atualizar no Oracle até que a licença de segurança e o pacote MD5 estejam ativados
  1. Entre em contato com o administrador do banco de dados ou com a Oracle para obter a OAS (Advanced Security License - Licença de Segurança Avançada), necessária somente se você estiver usando o DBMS_CRYPTO.
  2. Ative e conceda permissões explícitas a dbms_obfuscation_toolkit.md5 (também fornecido com a instalação do seu Oracle).
  3. Inicie a atualização.
Problema conhecido devido ao suporte encerrado para idiomas
Essa release não oferece mais suporte aos seguintes idiomas:
Catalão
Tcheco
Dinamarquês
Término
Húngaro
Holandês
Norueguês
Polonês
Russo
Sueco
Turco
Chinês simplificado
Chinês tradicional
Coreano
Consequentemente, um usuário pode ver um rótulo de texto bruto ou um texto em inglês na interface do usuário em vez do texto traduzido.
Solução alternativa
: alterne as configurações da conta do
Clarity
para um dos idiomas suportados listados nas notas da versão.
A ajuda do
Clarity
estará disponível somente em inglês por alguns meses após a liberação. O link da Ajuda no
Classic PPM
redirecionará você automaticamente para o site em inglês. O link da Ajuda no
Clarity
, no momento, tem como padrão o site localizado e exibe uma página em branco, uma vez que o conteúdo não está localizado. A Broadcom corrigirá esse problema em releases futuras.
A opção Exportar para CSV não mostra dados de métrica por período, a menos que a coluna de totais esteja presente
As grades EQUIPE ALOCADA e ATRIBUIÇÕES do projeto usam as colunas Totais e Métricas por período para EPT, Custo da EPT, Horas trabalhadas e Custo real.
  • Se a coluna Totais e as colunas Métricas por período forem configuradas na grade, o recurso de exportar para arquivo CSV funcionará conforme o esperado.
  • Se você não tiver a coluna Totais configurada na grade, a exportação não funcionará conforme o esperado (todas as colunas de métrica por período ficam em branco).
Solução alternativa
: na grade, clique em Painel de colunas e adicione a coluna Totais ao layout de grade antes de usar a opção Exportar para CSV.
Problema conhecido em novas instalações do Jaspersoft 7.1
Em ambientes locais, você pode observar a entrada
Failed to execute: create index
nos registros de instalação durante uma nova instalação do Jaspersoft 7.1.0 no Oracle 11g R2 ou 12c:
[exec] [exec] init-js-db-pro:
[exec] [exec] [echo] For JDBC driver the artifactId and version properties are set:
[exec] [exec] [echo] maven.jdbc.artifactId=ojdbc8
[exec] [exec] [echo] maven.jdbc.version=12.2.0.1.0
[exec] [exec] [echo] Specified JDBC driver jar exists
[exec] [exec] [advanced-sql] Executing resource: /fs0/clarity1/install_cd/ca_ppm_jaspersoft_7.1.0/buildomatic/install_resources/sql/oracle/js-pro-create.ddl
[exec] [exec] [advanced-sql] 0 rows affected
[exec] [exec] [advanced-sql]
Failed to execute: create index
idx46_jiresfldr_hidden_idx on JIResourceFolder(hidden)
[exec] [exec] [advanced-sql] java.sql.SQLException: ORA-01408: such column list already indexed
[exec] [exec] [advanced-sql] 0 rows affected
[exec] [exec] [advanced-sql] Executing resource: /fs0/clarity1/install_cd/ca_ppm_jaspersoft_7.1.0/buildomatic/install_resources/sql/oracle/quartz.ddl
Você pode ignorar essa entrada. O aviso parece estar alertando você sobre um cenário de criação de índice duplicado. No entanto, não é um aviso válido.
  • Esse aviso não tem impacto sobre a instalação e não afeta qualquer funcionalidade do Jaspersoft 7.1.
  • As equipes de engenharia da CA confirmaram que todos os comandos DDL são executados com êxito após o aviso relatado.
  • O aviso é exibido apenas em novas instalações Oracle; ele não ocorre com versões suportadas do Microsoft SQL Server
Revisar as rotinas canceladas após a atualização
Verifique todas as rotinas do
Clarity
que estão no estado cancelado após a conclusão da atualização. Preste atenção especial a todas as rotinas canceladas que anteriormente eram rotinas recorrentes. Às vezes, após uma atualização, os parâmetros de rotina mudam e as rotinas passam para o estado cancelado. Se não revisar proativamente as rotinas canceladas, você só as perceberá depois de receber escalonamentos da empresa.
Dependências de instalação e atualização
Os scripts de instalação e atualização nesta release apresentam as seguintes dependências na ordem cronológica listada:
Instalação/atualização deste componente:
Requer este componente:
Atualizar o
Classic PPM
  • Data warehouse configurado
  • Rotina de carregamento do data warehouse concluída
Clarity
  • Complemento do Acelerador de PMO instalado
Instale os complementos do PMO ou APM
  • Data warehouse configurado
Caminhos de atualização suportados para o Clarity
15.9.1
Verifique a tabela para identificar a release mínima suportada a partir da qual é possível atualizar para a versão mais recente do
Clarity
.
Versão do Clarity
Versão mínima suportada para atualização direta
15.9.2
15.7.0
15.9.1
15.7.0
15.9
15.6.1
15.8.1
15.6.1
15.8.0
15.3
15.7.1
15.3
15.7.0
15.2
15.6.1
15.0
15.6.0
15.0
15.5.1
14.3
15.5.0
14.3
15.4.1
14.1
15.4.0
13.2
15.3
13.2
15.2
13.2
15.1
13.2
  • Se você tiver a Release 14.3 ou mais antiga, a sua release não será mais suportada. Atualize para a release 15.4 primeiro e, em seguida, para a
    15.9.1
    .
  • Não é possível atualizar para a release
    15.9.1
    diretamente
    a partir da release 14.2 com o Jaspersoft 5.6.1 ou a partir da release 14.3 com o Jaspersoft 6.1.0. A atualização do Jaspersoft 6.4.2 ou 7.1 não oferece suporte a essas configurações. A atualização
    indireta
    ainda é suportada. Por exemplo, atualize para a 14.3 e o Jaspersoft 6.4.2 primeiro. Em seguida, atualize para a 15.8 e para o Jaspersoft 7.1.
  • Você poderá atualizar de uma release anterior mesmo que não tenha o ambiente de relatórios do Jaspersoft configurado. O data warehouse é obrigatório, no entanto, o relatório não é. Você pode optar por atualizar da release 14.x e fazer uma instalação nova do ambiente de relatórios.
  • Para atualizar das releases anteriores à 13.x, em geral, é útil atualizar para a 14.3 ou 14.4 primeiro e ignorar o componente Relatórios avançados. Essa abordagem simplifica o processo de solução de problemas e reinicialização se uma etapa de atualização falhar. Em seguida, da 14.x, é possível atualizar para a 15.6 e instalar o Jaspersoft 7.1 para os Relatórios avançados.
O programa de instalação detecta quantas etapas de atualização incremental são necessárias para atualizar sua instalação para a release mais recente. Se forem duas ou mais, o sistema perguntará se você prefere que o programa de instalação salve backups automatizados em cada etapa. Por exemplo, da 15.4 para a 15.5, da 15.5 para a 15.5.1, da 15.5.1 para a 15.6, da 15.6 para a 15.6.1, da 15.6.1 para a 15.7, da 15.7 para a 15.7.1, da 15.7.1 para a 15.8, da 15.8 para a 15.8.1 e da 15.8.1 para a
15.9.1
.
Se você tiver instalado quaisquer patches na versão base, certifique-se de ter aplicado o patch cumulativo mais recente suportado antes e depois de atualizar. A manutenção do patch antes e depois das atualizações é importante para a solução de problemas, as correções de segurança e a integridade geral do sistema.
Siga estas etapas:
  1. Selecione a release atual no menu
    Versões
    , na parte superior direita dessa página de ajuda.
    Por exemplo, selecione 15.1 e verifique se o patch 15.1.0.9 foi instalado ou selecione 15.3 e verifique se o patch 15.3.0.5 foi instalado antes de iniciar a atualização para a 15.8. Após a atualização, instale o patch mais recente da 15.8.
Você poderá ter problemas se tentar atualizar diretamente de um nível de patch não suportado. Para obter melhores resultados, siga um caminho de atualização suportado. Para saber mais, entre em contato com o suporte da CA. Você também pode visitar a Comunidade do
Clarity
para colaborar com outros integrantes da comunidade sobre suas perguntas específicas.
Pré-atualização: executar o verificador de instalação (somente no local)
O utilitário verificador de instalação (checkinstall) avalia qualquer instalação ou atualização. O utilitário é executado automaticamente no início de uma instalação ou atualização e no fim de uma tentativa de atualização. Você também pode executá-lo manualmente. O utilitário produz um arquivo de resultados na forma de relatório (precheck-results.html) no diretório <raiz-da-instalação>/checkinstall/check-logs.
Ação de atualização
: para obter melhores resultados, execute o Verificador de instalação antes de iniciar o processo de atualização e instalação completa. Antes de prosseguir, avalie cuidadosamente e resolva os avisos.
Siga estas etapas:
  1. Extraia o programa de instalação do
    Clarity
    no servidor de aplicativos do
    Clarity
    .
  2. Abra um prompt de comando e vá até o diretório do Checkinstall localizado no diretório para o qual você extraiu o programa de instalação.
  3. Chame o comando checkinstall:
    UNIX
    :
    sh checkinstall.sh
    Windows
    :
    checkinstall.bat
    O sistema solicitará que você digite o Nome de usuário do operador e o Email do operador. Essa informação se refere ao usuário que está atualizando ou instalando e seu email. Essas informações são armazenadas no registro de instalação.
  4. Verifique se os resultados.
    Os resultados contêm os avisos e erros, além de indicarem as personalizações feitas. Revise as personalizações e faça ajustes na atualização, se necessário.
Disponibilizar os arquivos JAR de terceiros para o programa de instalação (somente no local)
Devido a restrições de licença de alguns arquivos JAR da biblioteca de terceiros (atualmente jgroups-all.jar e xinclude.jar), foram feitas alterações na forma como esses arquivos são entregues. Os arquivos JAR são fornecidos separadamente da imagem
Clarity
do na mídia de instalação. A imagem do arquivo install.jar não contém os arquivos mencionados. Quaisquer pacotes de instalação de versões anteriores que incluíam o arquivo install.jar também excluíam os arquivos JAR. Para cada release do
Clarity
, os arquivos JAR são agrupados em uma pasta da mídia de instalação que contém o arquivo JAR de bibliotecas de terceiros. Na Release 15.x, o arquivo é denominado
thirdparty.libs.15.x.0.jar
.
Ação de atualização
: recupere o arquivo
thirdparty.libs.15.x.0.jar
da mídia de instalação. Coloque o arquivo em um local do sistema de arquivos de modo que possa ser acessado pelo programa de instalação.
Dica
: para impedir que o programa de instalação solicite o local do arquivo JAR, coloque-o no diretório raiz de instalação. Se você colocar o arquivo em outro diretório, o programa de instalação solicitará o local do arquivo.
Atualizar grandes conjuntos de dados (somente no local)
Se a atualização do
Clarity
processar um grande volume de dados, é recomendável substituir as configurações de memória padrão usadas pela atualização.
Você pode substituir as configurações de memória padrão para essa release. Crie um arquivo
memory.properties
e coloque-o no diretório $cappm/config. Defina os valores de memória desejados nesse arquivo.
Os valores padrão usados durante a atualização são:
defaultScriptMaxMem=1024m defaultScriptPermGenMem=128m
Veja a seguir alguns exemplos de configurações no arquivo
memory.properties
:
defaultScriptMaxMem=2560m defaultScriptPermGenMem=512m
Nível de compatibilidade do banco de dados do MS SQL Server
Se você estiver usando o SQL Server 2016 para esta release, defina o nível de compatibilidade como 130 no SQL Server Management Studio ou use o seguinte comando:
EXEC SP_DBCMPTLEVEL <database>, 130
Processos personalizados, scripts e outras personalizações
O
Clarity
não pode atualizar qualquer conteúdo personalizado não suportado. As personalizações devem ser desativadas e talvez precisem ser reformuladas e reimplementadas para que funcionem com a funcionalidade em constante mudança do produto.
Após uma atualização, a menos que você as desative, as personalizações poderão resultar em erros ou não funcionar conforme o esperado.
Siga estas etapas:
  1. Identifique o conteúdo personalizado. Por exemplo, você tem um ou mais processos personalizados com scripts GEL personalizados que modificou atributos de status da planilha de horas em uma release anterior.
  2. Confirme as personalizações e reconheça que os scripts de atualização podem não oferecer suporte ao conteúdo personalizado. Mesmo que o conteúdo personalizado seja atualizado, ele pode não funcionar mais conforme o esperado. Por exemplo, o processo personalizado faz referência a um objeto ou atributo que foi alterado na nova release.
  3. Como um administrador local, o script checkinstall fornece um aviso para personalizações que detecta antes da atualização. É possível ver esses avisos ou os registros mencionados para compreender os tipos de personalização que podem afetar negativamente sua experiência de atualização. Por exemplo:
    WARNING: Possible schema customizations have been found. Any customizations to the system are the responsibility of the customer to maintain and are not supported. To upgrade, all customizations must be reviewed, changed, or removed as needed before the upgrade. After a successful upgrade, the customizations may be added back to the system. The possible customizations found are listed in the following log files:
    check‐logs/database_customization_triggers.txt check‐logs/database_customization_indexes.txt check‐logs/database_customization_tables.txt checklogs/database_customization_constraints.txt
  4. Como administrador de SaaS, você não vê esses avisos nem registros mencionados. Essas mensagens de exemplo proporcionam uma visão dos tipos de personalização que podem afetar negativamente a sua experiência de atualização.
  5. Em ambientes locais ou SaaS, desative as suas personalizações antes da atualização. Após a atualização, reintroduza as personalizações e teste-as na interface do
    Classic PPM
    . Como alternativa, verifique o impacto do comportamento da personalização no
    Clarity
    .
  6. Além dos objetos de banco de dados, avalie também os valores de atributo. Analise as mudanças no data warehouse e no banco de dados Oracle e Microsoft (veja a seção Reference na documentação em inglês). Verifique se as personalizações dependem de algum atributo novo, alterado ou descartado.
Alguns clientes encontraram erros com conteúdo personalizado herdado. Após a desativação do processo personalizado, do script ou de outro conteúdo personalizado herdado, o
Clarity
forneceu a funcionalidade sem perda real para os usuários finais. É recomendável executar uma análise fazendo uma comparação do valor dos recursos do
Clarity
em uma solução completa de COTS/SaaS com o valor de desenvolver suas próprias personalizações não suportadas.
Pré e pós-atualização: preservar as personalizações do diretório de arquivos (somente no local)
Durante a atualização, será solicitado o diretório de instalação de destino. As novas etapas de pré e pós-atualização permitem que você copie arquivos bidirecionalmente no diretório do
Clarity
usando a criação de script baseada em ant. Use os scripts ant para automatizar a preservação e a restauração de personalizações nos diretórios do
Clarity
.
Os modelos são fornecidos nas pastas de atualização específicas da release, que se encontram no diretório raiz do programa de instalação (no mesmo nível do arquivo install.bat). Os modelos são:
preprocess-upgrade.xml
e
postprocess-upgrade.xml
.
Exemplo do script preprocess-upgrade.xml
<project name="content" default="upgrade" basedir="."> <target name="upgrade"> <echo>Preserving customer specified files prior to upgrade from install.dir = ${install.dir}</echo> <if fileexists="${install.dir}" not="true"> <fail>Install dir not specified = ${install.dir}</fail> </if> <delete dir="upgrade_temp"/> <mkdir dir="upgrade_temp" /> <!-- Uncomment the copy below and list the files to be included for preservation --> <!--<copy todir="upgrade_temp"> <fileset dir="${install.dir}" > <include name="myfiles/my*.*"/> <include name="abb/*01.jar"/> <include name="a*01.jar"/> </fileset> </copy>--> </target> </project>
Exemplo do script postprocess-upgrade.xml
<project name="content" default="upgrade" basedir="."> <target name="upgrade"> <echo>Restoring customer specified files after upgrade to install.dir = ${install.target.dir}</echo> <if fileexists="${install.target.dir}" not="true"> <fail>Install dir not specified = ${install.target.dir}</fail> </if> <!-- Uncomment the copy task below and list the files to be restored that were preserved in the preprocess-upgrade.xml script.--> <!--<copy todir="${install.target.dir}"> <fileset dir="upgrade_temp" > <include name="myfiles/my*.*"/> <include name="abb/*01.jar"/> <include name="a*01.jar"/> </fileset> </copy>--> </target> </project>
Pós-atualização e pós-instalação: otimizar o desempenho do Oracle 12c (somente no local)
Em instalações locais do Oracle 12c R1 ou R2, você pode detectar um problema de regressão no Oracle 12c quando a dica ORDERED é usada em consultas estruturadas. Um bug do Oracle 12c R2 pode degradar o desempenho se o otimizador for definido como 12.2.0.1.
  • Os sistemas que estão usando o Oracle 12cR1 (12.1.0.2) não precisam de qualquer ação.
  • Para sistemas que usam o Oracle 12c R2 (12.2.0.1), você pode otimizar o desempenho definindo o otimizador para 12.1.0.2. É recomendável aplicar essa correção local opcional.
Siga estas etapas:
  1. Em um prompt de comando no Oracle, digite as seguintes linhas:
    sqlplus / as sysdba ALTER SYSTEM SET "_fix_control" = '17800514:0'; Exit;
  2. Execute o seguinte comando:
    ALTER SYSTEM SET OPTIMIZER_FEATURES_ENABLE= '12.1.0.2' SCOPE=BOTH;
  3. Verifique se os parâmetros do arquivo de inicialização do Oracle 12c R2 parecem semelhantes ao seguinte exemplo:
    *._fix_control='17800514:0' *._optimizer_multi_table_outerjoin=FALSE *.audit_file_dest='/fs0/oracle/12201/12c/admin/niku/adump' *.audit_trail='DB' *.cluster_database=FALSE *.compatible='12.2.0.1' *.control_files='/fs0/oracle/12201/12c/oradata/niku/CONTROL01.CTL','/fs0/oracle/12201/12c/oradata/niku/CONTROL02.CTL' *.cursor_sharing='FORCE' *.db_block_size=8192 *.db_name='niku' *.diagnostic_dest='/fs0/oracle/12201/12c/admin/niku/udump' *.dispatchers='(PROTOCOL=TCP) (SERVICE=nikuXDB)' *.local_listener='LISTENER_NIKU' *.nls_comp='BINARY' *.nls_date_format='YYYY-MM-DD HH24:MI:SS' *.nls_language='AMERICAN' *.nls_sort='BINARY' *.nls_territory='AMERICA' *.open_cursors=1000 *.optimizer_adaptive_plans=false *.optimizer_adaptive_reporting_only=TRUE *.optimizer_adaptive_statistics=FALSE *.optimizer_features_enable='12.2.0.1' *.optimizer_inmemory_aware=FALSE *.pga_aggregate_target=4G *.processes=1000 *.remote_login_passwordfile='EXCLUSIVE' *.session_cached_cursors=1000 *.sessions=1536 *.sga_target=80G *.streams_pool_size=536870912 *.trace_enabled=TRUE *.undo_tablespace='UNDOTBS1'