UIM 20.3.1

uim2031
2031_release_notes
Como parte do ciclo de release regular da atualização do UIM (Unified Infrastructure Management), temos a honra de anunciar a release do patch UIM 20.3.1. Essa release inclui recursos novos e aprimorados, problemas resolvidos, entre outros.
3
2
Recursos novos e aprimorados
Os seguintes recursos e aprimoramentos foram incluídos na release 20.3.1:
Gerenciamento de nível de serviço
Essa release do UIM fornece a funcionalidade SLM (Gerenciamento de Nível de Serviço). A exibição do SLM é uma interface para criar SLAs (Service Level Agreements - Acordos de Nível de Serviço) e seus SLOs (Service Level Objectives - Objetivos dos Níveis de Serviço) de componente, bem como as restrições da QoS (Quality of Service - Qualidade de Serviço). Com essa funcionalidade, é possível criar acordos sólidos, extensíveis e mensuráveis com os clientes. Assim que você define os SLAs na exibição do SLM, os dados são registrados e a conformidade é calculada automaticamente.
Para obter mais informações sobre como trabalhar com o SLM, consulte o artigo Exibição do SLM.
Relatórios de SLA
Você pode exibir relatórios sobre Conformidade com SLA na interface Relatórios de SLA e exportá-los para transmitir aos clientes. Os relatórios de SLA exibem informações de desempenho para SLAs (Service Level Agreements - Acordos de Nível de Serviço) definidos no SLM.
Para obter mais informações sobre relatórios de SLA, consulte o artigo Relatórios de SLA.
Acessar o Console de administração no OC
Agora, é possível acessar UI do Console de administração usando o OC (Operator Console - Console do Operador). Essa capacidade dá acesso direto à UI do Console de administração sem que seja preciso efetuar logoff no OC.O aplicativo Console de administração permite gerenciar e manter os hubs, robôs e probes no sistema.
Para obter mais informações sobre como acessar o Console de administração pelo OC, consulte o artigo Console de administração no OC.
Aprimoramentos da diretiva de alarme
A funcionalidade da diretiva de alarme foi aprimorada nesta release para fornecer um gerenciamento de limite centralizado para tecnologias que são monitoradas remotamente. Em probes remotos, as diretivas de alarme não são mais associadas ao robô, o que significa que as mesmas políticas não são aplicadas a todos os dispositivos gerenciados por um probe remoto.
Você pode definir limites distintos para dispositivos ou grupos diferentes que são monitorados pelo mesmo probe remoto. Portanto, para dispositivos ou grupos gerenciados por um probe remoto, as diretivas de alarme agora são aplicadas somente aos dispositivos para os quais elas foram criadas. Isso garante que os alarmes sejam gerados somente para os dispositivos relevantes, permitindo que você gerencie as diretivas e os alarmes de maneira mais eficaz.
Para obter mais informações, consulte a seção "Gerenciamento de limite centralizado para tecnologias monitoradas remotamente" no artigo Gerenciar alarmes com diretivas de alarme centralizadas.
Copiar perfis do MCS
Agora, é possível copiar um perfil de dispositivo ou grupo (a origem) e aplicar o perfil copiado a outro perfil de dispositivo ou grupo (o destino). O MCS (Monitoring Configuration Service - Serviço de Configuração de Monitoramento) analisa a origem em relação ao destino e executa a ação adequada.Ao aplicar um perfil no nível do grupo, o MCS aplica esse perfil a todos os dispositivos no grupo.
Para obter mais informações sobre como copiar e aplicar os perfis do MCS, consulte o artigo Como copiar e aplicar perfis do MCS.
Excluir um dispositivo usando o OC
Agora, o UIM permite remover dispositivos usando a exibição Inventário do OC (Operator Console - Console do Operador). O processo fornece a capacidade de excluir um dispositivo do inventário e evitar uma nova detecção, fechar os alarmes associados ao dispositivo e excluir dados de QoS armazenados para o dispositivo.
Para obter mais informações sobre como excluir um dispositivo usando o OC, consulte o artigo Remover dispositivos no OC.
Portlets obsoletos
Para ver a lista completa de portlets obsoletos, consulte o artigo Portlets obsoletos.
Ativar o acesso somente leitura aos perfis do MCS
Essa release do UIM facilita o acesso somente leitura aos perfis do MCS com base na função do usuário. Uma nova permissão está disponível agora, fornecendo acesso somente leitura para o usuário. Os usuários com essa permissão podem apenas ver os perfis do MCS; eles não podem editar, criar nem excluir os perfis. Isso garante que apenas usuários relevantes tenham permissão para executar operações necessárias nos perfis.
Para obter mais informações sobre como ativar o acesso somente leitura aos perfis do MCS, consulte o artigo Ativar acesso somente leitura aos perfis do MCS.
Telemetria aprimorada para o modelo de PLA
A telemetria é um elemento fundamental do modelo de PLA (Portfolio License Agreement – Contrato de Licença de Portfólio) do software corporativo. O requisito inicial do esforço da telemetria é coletar e relatar o uso específico de produto diariamente em apoio ao novo modelo de consumo. A Broadcom usa seu próprio terminal para oferecer suporte à distribuição de telemetria para software corporativo. Esse terminal fornece uma plataforma centralizada para a coleta e o roteamento dos dados de uso por meio de várias integrações e destinos predefinidos.
Para obter mais informações, consulte o artigo Configurar a telemetria para o modelo de PLA.
Gerenciar discrepâncias entre as configurações de MCS esperadas e existentes
A versão GA do probe mon_config_service_recon foi disponibilizada, o que permite administrar as configurações de MCS em seu ambiente do UIM. Você pode usar esse probe para detectar e tratar discrepâncias entre a configuração esperada e a configuração existente implantada para os probes em seu ambiente.
Para obter mais informações sobre como trabalhar com esse probe, consulte a documentação do probe mon_config_service_recon.
Perl SDK do UIM oferece suporte ao TLS 1.2
Uma versão atualizada do Perl SDK está disponível. Essa versão do SDK aceita o Perl v5.32, que fornece o suporte ao TLS 1.2 no SDK durante a comunicação com os bancos de dados do UIM (Oracle e Microsoft SQL Server).
O Perl SDK oferece suporte apenas às seguintes plataformas suportadas pelo UIM:
  • Microsoft Windows x86_64
  • Linux x86_64
Para obter mais informações, consulte a seção Perl SDK no artigo Trabalhando com ferramentas de desenvolvimento.
Ocorrências resolvidas
Os seguintes problemas foram resolvidos nessa release:
  • Resolução de um problema em que os usuários estavam recebendo o erro de acesso a dados ao tentar iniciar o painel do MCS a partir da UI do OC (com o MySQL como banco de dados).
  • Correção de um problema em que, ao tentar criar um ticket no ServiceNow na Exibição de alarmes no OC, o ticket não estava sendo criado. Apesar de ser disponibilizada com os alarmes, a opção Criar ticket não estava permitindo a criação dos tickets.
  • Resolução de um problema em que, quando os mesmos grupos eram criados a partir de dois usuários de contas diferentes, apenas um grupo era exibido na exibição em árvore. No entanto, as exibições de lista e cartão estavam mostrando ambos os grupos. Esse problema estava ocorrendo quando a instalação do UIM 20.3.0 estava usando o banco de dados Oracle.
  • Correção de um problema em que a tabela de alarmes estava exibindo a mensagem de "erro ao recuperar alarmes" em vez de "nenhum alarme ativo", mesmo quando todos os alarmes eram confirmados. Esse problema estava ocorrendo quando a instalação do UIM 20.3.0 estava usando o banco de dados Oracle.
  • Correção de um problema em que, mover um robô de um hub para outro não estava alterando a origem no OC. O hub antigo ainda era mostrado como a origem do robô, mesmo quando o robô era movido para um novo hub.
  • Correção de um problema em que, após a criação do perfil "monitoramento do sistema remoto" no nível de grupo para dispositivos que não são robôs, quando os usuários tentavam clicar no dispositivo não robô e abrir o perfil, eles estavam recebendo um erro.
  • Correção de um problema em que os nomes de perfil do MCS na opção de monitoramento remoto e na nuvem do Assistente de instalação (no OC) nem sempre estavam visíveis. Esse comportamento estava ocorrendo quando o banco de dados era Oracle.
  • Correção de um problema em que a configuração/o status da implantação do robô estava ausente para a funcionalidade de implantação do robô no OC.
  • Correção de um problema em que a alternância de um grupo para outro nos painéis não estava funcionando corretamente na exibição em árvore. Os painéis estavam mostrando os detalhes do grupo anterior, e não de um novo grupo, mesmo quando os usuários moviam-se para o novo grupo.
  • Correção de um problema em que a opção de remover um dispositivo não estava disponível na Exibição de inventário do OC.
  • Correção de um problema em que os usuários não conseguiam criar o perfil de grupo "For-Each" do serviço do Microsoft Windows (ntservices). Quando eles tentavam criá-lo, o campo do nome do serviço permanecia no estado desativado. Desse modo, os valores não eram disponibilizados para mapeamento das chaves no perfil "For-Each".
  • Correção de um problema em que os usuários não conseguiam excluir os perfis no nível de dispositivo que eram criados pelo perfil no nível de grupo. A opção de exclusão não estava excluindo os perfis.
  • Correção de um problema em que o perfil herdado SQL_Response OLEDB era criado com a opção de ativação de implantação "for each" definida como sim; os perfis no nível de grupo estavam sendo migrados, mas não os perfis no nível de dispositivo.
  • Correção de um problema em que a migração do perfil no nível de dispositivo não estava funcionando para o perfil For-Each.
  • Correção de um problema em que as métricas ativadas recentemente não eram refletidas na UI para o perfil do MCS no Apache existente. Elas permaneciam no estado desativado.
  • Resolvido um problema em que os perfis não estavam sendo criados quando os usuários tentavam criar um perfil "For Each" no OC usando os detalhes "{foreach-instance}".
Atualizar artefatos de patch
Os seguintes artefatos estão disponíveis como parte do patch UIM 20.3.1:
Artefato
Número da versão
Local do download
Programas de instalação do OC
  • installOC.exe (Windows)
  • installOC_linux.bin (Linux)
20.3.1
Pacotes do robô
  • robot_update
  • robot_update_secure
9.32
Pacotes MCS (fornecidos como pacote mon_config_service):
  • mon_config_service
  • mon_config_service_ws
  • mon_config_service_recon
  • mon_config_service_cli
20.31
Pacotes Perl e Perl SDK
  • Perl_LINUX_23_64
  • SDK_PERL
  • 5.32 (para Perl_LINUX_23_64)
  • 20.30 (para SDK_PERL)
Telemetria de PLA
  • uimesdplatelemetry
1.07
Pacote UIMAPI
  • uimapi
20.31
Processo geral de atualização/implantação
Para a atualização do UIM 20.3.1, revise os seguintes pontos:
  • Antes de atualizar para o UIM 20.3.1, verifique se o ambiente existente está usando o UIM 20.3.0.
  • O patch UIM 20.3.1 não inclui qualquer programa de instalação de atualização para o UIM Server. O patch contém artefatos autônomos separados que devem ser implantados manualmente para atualizar os respectivos componentes para o 20.3.1. Portanto, certifique-se de implantar os pacotes mais recentes (por exemplo, robot_update, mon_config_service) que estão disponíveis para o 20.3.1.
  • O patch UIM 20.3.1 também inclui um programa de instalação de atualização para o OC. Você pode executar o programa de instalação de atualização do OC para atualizar o OC 20.3.0 para o OC 20.3.1.
  • Por fim, após a atualização de todos os componentes apropriados, é possível começar a usar os recursos fornecidos pelo patch UIM 20.3.1.
As etapas gerais recomendadas para aplicar os artefatos de patch são as seguintes:
  1. Implante o robô 9.32 nos robôs centrais (por exemplo, hub, OC, CABI).
  2. Execute o programa de instalação de atualização do OC 20.3.1 no hub principal e especifique o servidor do OC durante a atualização.
  3. Implante os pacotes do MCS 20.31 da seguinte maneira:
    1. Desative o probe mon_config_service existente no hub principal, implante o pacote mon_config_service 20.31 no hub principal e ative o mon_config_service.
    2. Desative o probe wasp no robô do OC, implante o pacote mon_config_service_ws 20.31 no robô do OC e ative o wasp. Essa etapa será necessária se você estiver usando os serviços web do MCS.
    3. Implante o pacote mon_config_service_recon 20.31 no hub principal e ative o probe depois que ele for criado. Essa etapa será necessária se você desejar usar a funcionalidade de reconciliação do MCS.
    4. Implante o pacote mon_config_service_cli 20.31 no hub principal. Essa etapa será necessária se você estiver usando a funcionalidade CLI do MCS.
  4. Implante o pacote uimapi 20.31 no robô do OC.
  5. Implante os outros pacotes: uimesdplatelemetry (no UIM Server) e SDK_PERL (em qualquer robô), se necessário.
  6. Se seu ambiente contiver várias instâncias do OC:
    1. Nos servidores secundários do OC, atualize os pacotes relevantes listados na Etapa 2 da seção Configurar um servidor secundário do OC para a versão 20.3.1. Os pacotes do 20.3.1 estão disponíveis no arquivo local.
    2. Execute a Etapa 3b (implantar mon_config_service_ws 20.31) e a Etapa 4 (implantar uimapi 20.31) nos robôs secundários do OC.
    3. Implante o pacote ump_slm 20.31 nos robôs secundários do OC. O pacote ump_slm 20.31 está disponível no arquivo local.
Problemas conhecidos
Veja a seguir os problemas conhecidos recentemente adicionados que se aplicam ao patch 20.3.1:
  • [UIM 20.3.1] Status do agente de detecção atrasado
    Quando uma detecção é programada, leva algum tempo para que o status da UI seja atualizado. Esse comportamento está ocorrendo porque quando uma detecção é programada em um agente de detecção, o status do agente é atrasado em 1 minuto devido à arquitetura interna. Isso é o que causa o atraso no status. E pode ser tratado como um problema conhecido.
  • [UIM 20.3.1] Inicialização de contexto para alarmes do DX NetOps Spectrum indisponível no OC
    Na integração entre o DX NetOps Spectrum e o UIM, a inicialização de contexto para os alarmes do DX NetOps Spectrum não está disponível na interface do OC. O problema será solucionado em breve.
  • [UIM 20.3.1] Tarefa gerada pelo sistema não está sendo criada após o salvamento do SLA
    Quando você salvar o SLA, a tarefa gerada pelo sistema não será criada se não houver alteração no formulário do SLA.
  • [UIM 20.3.1] A exportação do SLA para PDF trunca a lista de restrição da QoS dos SLOs
    Nos relatórios de SLA, quando você exporta o SLA para o formato PDF, as informações de SLA e SLO são exportadas para o PDF. No entanto, a lista de restrições da QoS configurada no SLO não é exportada completamente.
    Esse problema foi corrigido na release UIM 20.3.3.
  • [UIM 20.3.1] Rótulo incorreto, "Filtros da interface", aparece durante edição do grupo
    Se um grupo dinâmico for criado com as condições OR nos critérios de filtro do grupo, o rótulo incorreto "Filtros da interface" será exibido na UI quando você tentar editar esse grupo.
    Esse problema foi corrigido como parte da release do patch OC 20.3.2.
  • [UIM 20.3.1] Intercâmbio de nomes de grupo na exibição em árvore
    Quando grupos forem criados com o mesmo nome por dois usuários de contas diferentes, os usuários de barramento verão a troca ocasional dos grupos na exibição em árvore.
    Esse problema foi corrigido como parte da release do patch OC 20.3.2.
Para ver a lista completa de problemas conhecidos que se aplicam a essa release, consulte a seção "Problemas conhecidos do UIM 20.3.1" no artigo Problemas conhecidos.
Contratos de software de terceiros
Para obter uma lista de contratos de software de terceiros adicionados recentemente no UIM 20.3.1, faça download do arquivo anexado"tpsrs_uim_2031.zip
Para ver a lista completa de contratos de software de terceiros, consulte o artigo TPSR relacionado.