Como as verificações respondem a uma detecção de vírus ou risco

Quando vírus e riscos à segurança infectam arquivos, o cliente responde aos tipos de ameaça de maneiras diferentes. Para cada tipo de ameaça, o cliente usa uma primeira ação, depois aplica uma segunda ação se a primeira falhar.
Como uma verificação responde a vírus e riscos à segurança
Tipo de ameaça
Ação
Vírus
Por padrão, quando o cliente detecta um vírus, ele executará as seguintes ações:
  • O cliente tenta primeiro limpar o vírus do arquivo infectado.
  • Se o cliente limpar o arquivo, ele removerá completamente o risco do seu computador.
  • Se o cliente não puder limpar o arquivo, ele registrará a falha e moverá o arquivo infectado para a Quarentena.
O
Symantec Endpoint Protection
não coloca em quarentena um vírus detectado em arquivos e aplicativos estilo Windows 8. Em vez disso, o
Symantec Endpoint Protection
exclui o vírus.
Risco à segurança
Por padrão, quando o cliente detectar um risco à segurança, ele executará as seguintes ações:
  • O cliente coloca em quarentena o arquivo infectado.
  • O cliente também tenta remover ou reparar alterações feitas pelo risco à segurança.
  • Se o cliente não puder colocar um risco à segurança em quarentena, ele registrará o risco e o ignorará.
Em algumas situações, é possível que você instale de propósito mas inadvertidamente um aplicativo que inclua um risco à segurança, como um adware ou spyware. Se um risco à segurança for detectado, o cliente executará a seguinte ação:
  • O cliente colocará em quarentena o risco imediatamente, se esta ação não prejudicar o computador ou deixá-lo em estado instável.
  • Caso contrário, o cliente aguardará até que a instalação do aplicativo esteja completa para colocar o risco em quarentena e depois reparará os efeitos do risco.
O
Symantec Endpoint Protection
não coloca em quarentena um risco à segurança detectado em arquivos e aplicativos estilo Windows 8. Em vez disso, o
Symantec Endpoint Protection
exclui o risco.
É possível alterar, para todos os tipos de verificação, as configurações de como o cliente trata vírus e riscos à segurança. É possível definir ações diferentes para cada categoria de risco e para riscos à segurança individuais.